500 entusiastas de Java de todo o mundo reúnem-se em Portugal

Linguagem Java em congresso
Foto: Pankaj Patel / Unsplash

A lotação está esgotada para a primeira conferência portuguesa de Java que se realiza a 19 de junho, em Coimbra. A JNation vai juntar programadores e empresas num evento internacional dedicado à linguagem de programação mais popular do mundo. Vão estar presentes oradores da Google, Amazon, Microsoft, Oracle, Red Hat, entre outros.

No próximo dia 19 de junho, terça-feira, realiza-se no Convento São Francisco, em Coimbra, a JNation, uma conferência internacional dedicada à linguagem de programação Java e tecnologias associadas. Esta iniciativa vai reunir cerca de 500 pessoas naquela que é a primeira conferência portuguesa de Java, organizada pelo coletivo Coimbra JUG (Java User Group) em parceria com a associação alphaCoimbra e com o apoio da Câmara Municipal de Coimbra.

O objetivo deste grande encontro é proporcionar aos programadores e empresas participantes acesso aos últimos desenvolvimentos e tendências para o futuro desta área da engenharia de software. O painel de oradores inclui especialistas de topo, entre os quais: Ray Tsang da Google, Julio Faerman da Amazon Web Services, Bruno Borges da Microsoft, David Delabassée da Oracle, Rafael Benevides da Red Hat, Nicolas Frankel da SAP, Simon Maple da SNYK e Juergen Hoeller da Pivotal.

A adesão à JNation superou as expetativas da organização, tanto junto do público, com os bilhetes a esgotarem dois meses antes da realização da conferência, como pelo interesse de várias empresas locais, nacionais e internacionais de se associarem a esta iniciativa, entre as quais a Critical Software e a Celfocus.

O sucesso na divulgação da iniciativa também se deveu à organização de ações de promoção da JNation junto de várias comunidades locais de Java em cidades como Cork e Dublin, na Irlanda, e Vigo, Corunha e Madrid, em Espanha.

A tecnologia Java, utilizada por mais de 10 milhões de profissionais, é a linguagem de programação mais popular do mundo, de acordo com o índice da Tiobe, presente desde supercomputadores a sistemas integrados, de sistemas de “cloud computing” à internet das coisas. Banca, saúde, energia ou transportes são algumas das áreas em que o Java é a plataforma de eleição para resolver os mais diversos desafios.

A realização da JNation em Coimbra resulta do dinamismo e interesse que a comunidade de Java local tem demonstrado durante as atividades do Coimbra JUG (Java User Group), um grupo com mais de 400 utilizadores que tem promovido palestras com as últimas novidades, experiências profissionais e as melhores práticas desta indústria de software.

Ao Coimbra JUG juntou-se também a alphaCoimbra, uma associação sem fins lucrativos, constituída por empreendedores que pretendem dinamizar o ecossistema de empreendedorismo e inovação regional. No âmbito do seu plano de atividades, identificaram a pertinência de fazer acontecer um conjunto de eventos estratégicos e marcantes, cobrindo os principais eixos de um ecossistema inovador assente em empresas de base tecnológica: “Tecnologia”, “Oportunidades de Mercado” e “Investimento”.

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor coloque o seu nome aqui

18 + 12 =