Lisbon Challenge Tourism Day

O turismo é considerado uma das principais indústrias em franco crescimento em Portugal e representa uma percentagem significativa no PIB nacional. A atividade empresarial neste setor tem vindo a ser marcada pela entrada de jovens empresários que têm desempenado um papel crucial no desenvolvimento da indústria, não só pela criação de produtos e serviços inovadores, mas também pelo surgimento de startups talentosas que têm conseguido atrair investimento e outros intervenientes-chave interessados em apostar ou estabelecer-se em Portugal. Lisboa é muitas vezes mencionada como ‘a nova Berlim’, pela sua capacidade em atrair jovens criativos, tornando-se o novo hub das startups.

Com efeito, Lisboa não é apenas um centro de atração para os turistas provenientes dos numerosos navios de cruzeiros que escolhem o Tejo como ponto de paragem, ou dos milhares de turistas que preferem a capital portuguesa para passar um fim-de-semana, ao alcance de uma curta viagem de avião. São também as numerosas startups internacionais que escolhem Portugal para estabelecer o seu negócio e, não é apenas o clima que as atrai. Nos últimos anos Lisboa tem recebido numerosos prémios de empreendedorismo – é cidade empreendedora europeia (European Entrepreneurial Region 2015) – mas Portugal também ganhou os mais recentes prémios do turismo: 14 prêmios europeus em mais de 10 categorias, incluindo o Europe’s Leading Tourist Brand (Turismo de Portugal).

A diversidade e riqueza do património cultural, a proximidade das praias e a qualidade da gastronomia podem ser atrativos para o turista, mas são sobretudo as acessibilidades, a qualidade das infraestruturas ou os custos dos serviços que tornam atraente Lisboa (e Portugal em geral) para as startups em fase de arranque dos seus projetos.

Considerado um dos maiores centros de inovação na Europa, o empreendedorismo português está na moda, e tem hospedado os principais eventos do setor, como o ICT, o maior encontro da tecnologia na Europa, que atraiu mais de cinco mil participantes europeus, ou o European Accelerator Summit que juntou os principais aceleradores de startups europeias. São ainda os numerosos eventos que regularmente reúnem em Portugal investidores e criativos onde se destaca a próxima edição do Web Summit, agendado para Lisboa em 2016.

O Lisbon Challenge Tourism Day, organizado pela Beta-i conta com um dos principais players da indústria do turismo a nível mundial – AirBnB – que vai dar a conhecer o que fazem as novas startups internacionais da área do turismo nas chamadas cidades de inovação. Serão ainda lançadas ideias para aproveitar o Web Summit, em Lisboa. nA Beta-i é uma organização sem fins lucrativos criada em 2010 para promover o empreendedorismo e a inovação e que já acelerou mais de 500 startups. Em 2014, foi considerada a maior Promotora do Empreendedorismo e Startups em Portugal através do European Enterprise Awards, promovido pela Comissão Europeia.

COMPARTILHAR
Artigo anteriorAs 10 pedras no caminho do Empreendedor
Próximo artigoEmpreender é uma maratona
José Mendes
Jornalista e formador. Sou um entusiasta das relações humanas e interesso-me particularmente por questões de liderança e problemáticas organizacionais.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor coloque o seu nome aqui

7 − 4 =