Web Summit veio para ficar!

Carla Torres faz o balanço do primeiro dia da maior conferencia de tecnologia do mundo
Foto: Web Summit

Habemus 10 anos de Web Summit em Lisboa, a maior conferência de tecnologia do Mundo veio para ficar!

Ontem começou pelo 3º ano consecutivo em Lisboa, a “melhor conferência de tecnologia do planeta” segundo a Forbes… Paddy Cosgrave foi o mestre-de-cerimónias, da famosa “Opening Night” que deu o kickoff ao Web Summit 2018, e não escondeu a alegria da sua conferência ter como residência oficial Lisboa.

o balanço do primeiro dia da maior conferência de tecnologia do mundo

Apesar de já ser público, há algumas semanas, o anúncio de 10 anos de Web Summit em Lisboa, o Altice Arena aplaudiu em massa e fervorosamente a esta orgulhosa afirmação de Paddy. Orgulhosos estavam também o Presidente da CML Fernando Medina e o Primeiro Ministro António Costa que foram várias vezes elogiados e mencionados (antes de subirem ao centre stage para fazerem os seus habituais discursos) pelo co-founder deste mega evento.

Mas quem inaugurou o Centre Stage da Altice Arena, este ano foi Tim Bernes-Lee, conhecido como o “Pai da Internet”. A world wide web, cresceu muito nos últimos anos, e Tim é hoje um “Pai” preocupado com uso da sua invenção revolucionária, talvez por isso tenha sentido a obrigação de criar a iniciativa “Web Foundation”, que tem como principal missão a igualdade digital global, e a utilização de boas práticas e políticas no âmbito da tecnologia. Para isso o próprio defende uma política de direitos para Internet, implementada pelos governos, criada pelo próprio do seu nome “Contract for The Web”.

Mas hoje em dia os líderes das grandes gigantes como a Google e Apple, já começam a ter uma visão e um discurso de preocupação e consciencialização em relação as mudanças do mundo atual e ao comportamento humano, nas mais diferentes áreas influenciadas pelo sector tecnológico, pelo menos foi o que ficou patente no discurso de Jacquelline Fuller (Presidente da Google) que está atenta às desigualdades salariais referentes às mulheres, defendendo que são precisas mais mulheres na tecnologia para fazer a mudança.

Já Lisa Jackson (VP da Apple) diz que trabalhar na empresa mais valiosa do mundo – a Apple – traz responsabilidades sociais, cívicas e ambientais acrescidas, e na própria empresa existe uma missão e política de sustentabilidade ambiental que começou a ser desenvolvida pelo próprio Steve Jobs. Atualmente Lisa tem plena consciência que as decisões que toma vão impactar no futuro o mundo que será herdado para as gerações futuras, incluindo os seus próprios filhos, por isso diz que o seu trabalho consiste em acompanhar internamente o uso da tecnologia para combater as alterações climáticas e as desigualdades sociais, e descobrir qual é próxima fórmula da Apple para mudar e proteger o planeta.

António Guterres (Secretário Geral das Nações Unidas) foi a figura de destaque na sessão de abertura, recebido com uma ovação de pé e iluminado pelos milhares de smartphones presentes na Altice Arena. Guterres apresentou-se como engenheiro de formação e falou das várias tendências da tecnologia incluindo machine learning e blockchain, com mestria e senso do humor característicos da sua personalidade ímpar mas sempre focado nos desafios que a humanidade enfrenta para esta era das tecnologias disruptivas.

O Web Summit 2018 está oficial inaugurado e a decorrer em pleno durante até ao dia 8 de Novembro no Parque das Nações, em Lisboa.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor coloque o seu nome aqui

eleven − 2 =