A comunicar é que o franchisador e os franchisados se entendem

A comunicação interna é um desafio em todas as empresas. Mesmo que não tenha um plano de comunicação interna definido – e os meios para fazer chegar a informação, os valores e a cultura da empresa à equipa – haverá comunicação dentro da empresa. Pode é não ser a que deseja.

Os corredores, as pausas para cafés, os cigarros à entrada do edifício do escritório e os almoços em grupo são excelentes meios de difusão de informação útil, boatos e rumores.

Pensar na comunicação interna como uma necessidade apenas das grandes empresas é ignorar que esta ferramenta de gestão de recursos humanos permite-lhe manter a equipa sintonizada com os objetivos definidos para a empresa.

Nas redes de franchising, os desafios são maiores. O franchisador precisa de comunicar de forma eficiente com três públicos internos. A sua equipa direta, os franchisados e a equipa destes.

Nas redes de franchising a tendência é centralizar o foco da comunicação interna nos franchisados.

Sem dúvida que eles são os principais parceiros de negócio do franchisador, mas os restantes públicos internos são a primeira cara ou voz que recebe o cliente da marca em qualquer parte do país ou do mundo.

As reuniões, os encontros de franchisados, as convenções, os jornais internos, as newsletters, os blogs, a intranet ou os grupos fechados do Facebook, são alguns dos meios para fazer chegar a mensagem. Mas mais importante do que a quantidade de canais de informação que a marca disponibiliza é ter canais bem elaborados, eficientes e com informação relevante.

Manter um canal aberto para sugestões, ideias e partilha de experiências na rede facilita a circulação da comunicação e cimenta o espírito de pertença à marca.

O franchisado deve ser ouvido não só porque é o parceiro número um do negócio, mas também para o franchisador se certificar de que as diretrizes da marca são entendidas e aplicadas por toda a rede.

COMPARTILHAR
Artigo anteriorO Poder do Regulador
Próximo artigoComo definir a equipe perfeita para empreender
Isa Amaral
Apaixonada por comunicação, foi jornalista e frequentou o Master em Gestão de Imagem da Univeridade Complutense de Madrid. Depois de vários anos a escrever sobre empreendedorismo, criação de negócios e franchising decidiu lançar a sua própria marca, a Blue Vision, um projeto de comunicação empresarial, organização e serviços de staff para eventos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor coloque o seu nome aqui

three × five =