CES 2020: IA e 5G definem o futuro da inovação

CES 2020
Foto de Website CES 2020

A maior feira de tecnologia do mundo revelou os novos produtos de inovação que querem resolver todos os nossos problemas.

A CES 2020 terminou na passada sexta-feira, depois de uma semana repleta de novos produtos, com mais de 20 mil novidades que indicaram o futuro da tecnologia em Las Vegas, nos Estados Unidos. No total estiveram expostas mais de 4 mil e 400 empresas, com mais de 2,7 milhões de metros quadrados de espaço, onde as empresas lançaram os produtos de tecnologia mais recentes para cerca de 170 mil participantes. Desde as marcas globais de tecnologia às startups pioneiras, a inovação na CES 2020 apostou na mudança do mundo para melhor.

“A CES 2020 inspirou e ligou todos os principais setores do mundo”, disse Gary Shapiro, presidente e CEO da Consumer Technology Association (CTA) – empresa propriatária da CES. “A inovação lançada na CES 2020 vai remodelar as indústrias, criar empregos, alimentar a economia global e melhorar a vida de toda gente”.

“Na semana passada, a CES demonstrou que qualquer empresa é realmente uma empresa de tecnologia”, disse Karen Chupka, vice-presidente executiva da CES. “Marcas globais de tecnologia misturaram-se com empresas de tecnologia não tradicionais, uma demonstração de como a inovação está a promover negócios em todos os mercados e a preparar o cenário para a próxima década.”

O evento apresentou todo o espectro de tecnologia transformadora que redefinirá os mercados e os modelos de negócios, particularmente na área da Inteligência artificial, que foi dominante em praticamente todas as exposições e é aprontada como a “tecnologia-chave” da próxima década. Entre as empresas que lançaram as soluções de IA mais recentes estão a Brunswick, Doosan, John Deere e Kyocera.

Também a Conectividade Móvel e 5G marcaram presença na única feira de tecnologia em que esteve concentrado todo o ecossistema 5G – a espinha dorsal da conectividade, transporte, realidade aumentada e virtual, saúde digital e muito mais. As operadoras de comunicação e de telemóveis, como Verizon, Sprint, AT&T, Nokia e Ericsson, demonstraram os últimos avanços na velocidade, confiabilidade e eficiência da 5G.

Empresas de tecnologia não tradicionais na CES usaram o evento como uma plataforma para lançar novos produtos. A Impossible Foods lançou a Impossible Pork; A John Deere foi destaque no AI & Robotics Marketplace e outras empresas, como Bell, Delta Airlines, L’Oréal, Procter & Gamble e NBCUniversal, revelaram como estão a transformar os respetivos negócios através da tecnologia.

A CES 2020 destacou também o futuro do transporte. Nove dos principais fabricantes de automóveis do mundo, incluindo Audi, BMW, Daimler (Mercedes), FCA, Ford, Honda, Hyundai, Nissan e Toyota, e mais de 150 expositores de tecnologia de veículos revelaram as últimas novidades em carros conectados, e veículos autónomos. Os produtos incluíam o carro-conceito Mercedes Vision AVTR, o AI: ME da Audi e o Sony Vision S.

Tech for Good

As tecnologias inovadoras apresentadas na CES esperam mudar vidas e melhorar o mundo. Por exemplo, as tecnologias digitais de saúde foram um tema importante, com avanços na terapêutica digital, ao abordar questões do mundo real, como a dependência de opióides, e as doenças mentais e doenças crónicas. A categoria de Saúde e Bem-Estar registou um aumento de quase 25% com mais de 135 empresas em exposição no CES 2020, incluindo Humetrix e InBody.

A área de exposição dedicada às Smart Cities cresceu quase 25% em relação a 2019, com empresas e organizações como o Department of Transportation, Hitachi e Siemens, que destacaram produtos que esperam revitalizar a economia e ajudar as comunidades a prosperar.

O CTA também fez uma parceria com o World Bank Group no Global Tech Challenge, pedindo às empresas de todo o mundo que criem soluções focadas em três áreas principais: saúde, desigualdade de gênero e tecnologias que permitam que as comunidades sejam resilientes. A categoria Health Tech Challenge está a aceitar inscrições até dia 25 de fevereiro, de forma a conectar inovadores a prestadores de serviços de saúde na África Oriental.

A CES 2020 também é a maior feira de startups do mundo, com mais de 1.200 empresas de 46 países presentes no Eureka Park, ao oferecer inovações disruptivas e a atrair investidores e grandes marcas. As tecnologias reveladas no Eureka Park incluem o sensor inteligente Oval Home, que analisa temperatura, luz, humidade e movimento em casa; Yoganotch, que aplica à tecnologia de captura de movimento; e Caregiver Smart Solutions com sensores que rastreiam o movimento e os padrões para proporcionar segurança aos cuidadores e pacientes com mais independência em casa.

“A CES é também uma oportunidade única para as startups e empresas jovens se exporem às grandes marcas globais”, disse Mara Lewis, cofundadora e CEO da ID8 Innovation; membro do Conselho de Líderes da Indústria do CTA. “As oportunidades de financiamento e crescimento para o empreendorismo são incríveis”.

A feira tecnológica mais influente do mundo contou com mais de 1.100 palestrantes que representaram as principais indústrias globais.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor coloque o seu nome aqui

2 × two =