Ganhe dinheiro com o Facebook

Facebook lança serviços de eventos online pagos

Imagem de Gerd Altmann por Pixabay

O Facebook anunciou um conjunto de novas atualizações de produtos que irão permitir que ainda mais criadores de conteúdo possam ganhar dinheiro na plataforma de rede social. A ferramenta de eventos online pagos e o recurso a subscrições de fãs foram lançados em Portugal.

O serviço, orientado para os criadores de conteúdo que constroem comunidades relevantes através do Facebook, disponibiliza as ferramentas e o suporte para que possam desenvolver uma fonte de receita e manter os negócios a funcionar, mesmo durante as condicionantes resultantes da pandemia.

O recurso está a funcionar desde agosto de 2020, em alguns mercados internacionais, desde então, cresceu substancialmente, proporcionando aos influenciadores, digipubs, empresas de todas as dimensões, criadores de jogos, empresas de media, instituições culturais e criadores de vídeo, uma forma relevante de ganhar dinheiro no Facebook.

O Facebook, entretanto anunciou que não cobrará comissões ou participação na receita por este serviço, pelo menos até agosto de 2021.

Monetize a sua paixão

As páginas da rede social estão a hospedar uma vasta gama de eventos online pagos – eventos desportivos, aulas de culinária, gravações de podcast ao vivo, tours virtuais, tutoriais de maquilhagem e muito mais – e, ao fazer isso, estão a alcançar e a monetizar novos e maiores públicos.

A comediante norte-americana Daphnique Springs, por exemplo, re-imaginou o seu espetáculo de comédia ao vivo para uma audiência maioritariamente virtual utilizando os eventos online pagos com grande sucesso; uma academia brasileira de Jiu-Jitsu na Austrália, o Subversion Jiu-Jitsu, arrecadou mais de 29.000 dólares em três torneios; e o Teatro San Carlo – a casa de ópera mais antiga em Itália – rendeu mais de 34.000 compras no seu primeiro evento online pago, 25 vezes a capacidade presencial do teatro.

Hoje os eventos online pagos estão em 20 países, e serão expandidos para 24 países adicionais nas próximas semanas: Argentina, Áustria, Bangladesh, Bolívia, Colômbia, Dinamarca, Equador, Egito, Guatemala, Hong Kong, Indonésia, Irlanda, Malásia, Marrocos, Nova Zelândia, Peru, Portugal, África do Sul, Suíça, Taiwan, Tailândia, Filipinas, Turquia e Emirados Árabes Unidos.

O recurso de subscrições de fãs também continua a apresentar um forte crescimento e está a facultar uma fonte confiável de receita para criadores de conteúdo em todo o mundo – existem agora mais de 1 milhão de subscrições de fãs ativas para criadores no Facebook. Nos próximos meses, o Facebook também irá expandir também este produto para mais países – está atualmente em mais de 25 mercados e chegará a mais 10 países; Áustria, Bélgica, Dinamarca, Finlândia, Irlanda, Nova Zelândia, Noruega, Suécia, Suíça e Turquia.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor coloque o seu nome aqui

13 + nine =