Marta Palmeiro vence o Women Entrepreneurship Award

Foto: CTIE

Marta Palmeiro, co-fundadora da StudentFinance, foi a vencedora da edição de 2020 do Women Entrepreneurship Award, uma iniciativa do CTIE – Católica-Lisbon Center for Technological Innovation & Entrepreneurship destinada a distinguir as mulheres empreendedoras.

“É importante dar visibilidade às mulheres empreendedoras com sucesso, por forma a criar role models para as gerações futuras e para inspirá-las a tornarem-se, também elas, empreendedoras”, afirmou Céline Abecassis-Moedas, fundadora e Diretora Académica do CTIE.

Marta Palmeiro é cofundadora da StudentFinance, uma startup na interseção de EdTech e de Fintech, que remove as barreiras no acesso à educação através do modelo de Income Share Agreements, um modelo de pagamento em que os alunos atribuem uma percentagem do seu salário quando estiverem empregados. O objetivo é conectar o pagamento da educação aos resultados após o programa. Para isto, a StudentFinance oferece a plataforma tecnológica necessária a todo o processo: desde o financiamento, modelos analíticos e preditivos do mercado de trabalho, verificação de rendimento aos pagamentos.

“É uma honra enorme receber este prémio e é também a confirmação da importância da missão da StudentFinance, que procura eliminar as barreiras à educação e reskilling, particularmente neste momento em que tantos postos de trabalho estão a ser perdidos. Acredito muito no potencial das mulheres enquanto empreendedoras e gestoras e fico muito contente de poder partilhar a minha experiência e incentivar mais mulheres a confiar na sua capacidade de serem bem sucedidas no mundo do empreendedorismo”, disse, Marta Palmeiro, vencedora do Women Entrepreneurship Award.

Este ano, o prémio contou com mais de 50 candidatas. Entre as nomeadas estavam também Wendy van Leeuwen, co-fundadora da Secret City Trails, uma startup que quer criar momentos significativos de descoberta de cidades, e Joana Melo, COO da NU-RISE, uma startup que desenvolve sensores de radiação nuclear e equipamento para a indústria, para equipamento de investigação e para aplicações médicas.

A vencedora terá acesso ao Programa Avançado em Empreendedorismo e Gestão da Inovação (ou outro programa equivalente) na Católica-Lisbon School of Business & Economics, a uma formação de media training personalizada, a mentoring de um dos membros do júri, escolhidos pela própria e, por fim, um prémio monetário de três mil euros.

A seleção da vencedora foi definida de acordo com o grau de inovação do conceito, sustentabilidade financeira e modelo de negócio, bem como impacto social e na comunidade.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor coloque o seu nome aqui

18 − eight =