Número de Milionários e Valor das Fortunas com Novos Recordes de Crescimento

Foto de VecStock em Freepik

O World Wealth Report 2024 do Research Institute da Capgemini revela um crescimento recorde no número de indivíduos detentores de elevados patrimónios líquidos (HNWIs) em 2023, impulsionado pela recuperação económica global. As fortunas destes milionários aumentaram 4,7%, atingindo 86,8 mil milhões de dólares, enquanto a população de HNWIs cresceu 5,1%, totalizando 22,8 milhões de pessoas.

Em 2023, a América do Norte registou o maior crescimento em riqueza e número de milionários, com aumentos anuais de 7,2% e 7,1%, respetivamente. Este crescimento deve-se à resiliência económica, à redução da inflação e à recuperação do mercado acionista nos EUA. Outras regiões também registaram crescimento, embora de forma mais moderada. A Ásia-Pacífico e a Europa registaram um aumento significativo em riqueza e número de HNWIs, enquanto a América Latina e o Médio Oriente apresentaram crescimentos mais modestos. África foi a única região onde se verificou um decréscimo em riqueza e número de HNWIs, devido à queda dos preços das matérias-primas e ao menor fluxo de investimentos estrangeiros.

Com o aumento do número de HNWIs, a composição dos ativos nas carteiras de investimento está a evoluir. A percentagem de ativos em dinheiro e equivalentes ajustou-se para 25% do total das carteiras, em contraste com os 34% observados em janeiro de 2023. Dois em cada três HNWIs planeiam investir mais em private equities em 2024, visando aproveitar oportunidades de crescimento.

Os ultra-ricos (UHNWIs), que representam pouco mais de 1% da população mundial de HNWIs, detêm agora 34% do volume total das fortunas dos HNWIs. Nas próximas duas décadas, estima-se que as gerações mais velhas transferirão mais de 80 mil milhões de dólares para as mais jovens, impulsionando a procura de serviços de valor acrescentado, como gestão de investimentos, planeamento fiscal, filantropia e aconselhamento.

Nilesh Vaidya, Global Industry Head of Retail Banking and Wealth Management da Capgemini, destaca a importância de ferramentas baseadas em IA para compreender melhor as decisões financeiras dos clientes e gerir enviesamentos emocionais. Mais de 65% dos HNWIs revelaram que esses enviesamentos influenciam as suas decisões de investimento, especialmente em fases cruciais das suas vidas, como casamento, divórcio e reforma. Além disso, 79% dos HNWIs desejam apoio dos seus gestores de património para gerir estes enviesamentos.

O World Wealth Report 2024 abrange 71 países responsáveis por mais de 98% do rendimento nacional bruto e da capitalização bolsista mundial. Foram inquiridos mais de 3.119 HNWIs, incluindo 1.300 UHNWIs, em 26 grandes mercados, e recolhidas mais de 75 respostas de empresas de Wealth Management em 12 mercados.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor coloque o seu nome aqui

16 + two =