Startup Lisboa – 7 anos de apoio ao empreendedorismo em Lisboa

A Startup Lisboa assinala sete anos de atividade no apoio ao empreendedorismo. A incubadora de empresas, sediada na Baixa de Lisboa, impulsionou desde 2012 mais de 300 startups, que geraram cerca de 1900 postos de trabalho e um investimento superior a 100 milhões de euros.

Ao longo destes 7 anos, a incubadora de Lisboa empenhou-se também na criação de uma rede forte, apoiada por mais de 120 mentores e 80 empresas, que ajuda os empreendedores a fortalecerem os seus negócios e a entrarem no mercado com maiores vantagens competitivas.

Atualmente as startups incubadas na Startup Lisboa operam em 3 vetores: tecnologia, comércio e turismo, através de programas de aceleração para a comunidade empreendedora, com o objetivo de reforçar as competências de gestão de negócio, entrada e sobrevivência no mercado. O programa From Start-to-Table, lançado pela Startup Lisboa, é um exemplo de injeção de talento e inovação no segmento food & beverage e que culminou na aceleração de 21 projetos e na distribuição de 25 mil euros em prémios.

Entre os principais esforços e estratégias definidos pela incubadora tem sido o de promover Lisboa e de preparar o ecossistema para atrair e receber empreendedores e negócios estrangeiros. E esta estratégia levou ao aumento de 40% no número de projetos de empreendedores estrangeiros, atualmente incubados na Startup Lisboa. O Launch In Lisbon é um exemplo disso: o programa que tem ajudado empreendedores estrangeiros a estabelecer os seus negócios em Portugal já vai na quinta edição.

“Celebrar estes 7 anos de atividade da Startup Lisboa é celebrar, também, os sete anos em que Lisboa se tornou definitivamente uma cidade mais empreendedora, inovadora e criativa, sendo inegável o papel que a Startup Lisboa tem desempenhado neste percurso”, comenta Duarte Cordeiro, Vice-Presidente da Câmara Municipal de Lisboa e actual Presidente da Startup Lisboa.

Para Miguel Fontes, Diretor Executivo da Startup Lisboa, “Esta motivação empreendedora não é direcionada unicamente às startups. Também a própria Startup Lisboa trilha caminhos inovadores, porque sabe que a sorte não é a alavanca do empreendedorismo, mas sim, a dedicação, a curadoria, a exigência, e o trabalho de uma equipa apaixonada e empenhada em acrescentar valor à sociedade e à cidade de Lisboa.” Estre estes projetos está o Hub Criativo do Beato, destinado a ser o polo de atração do ecossistema e a projetar Lisboa como a cidade de eleição para inovação mundial.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor coloque o seu nome aqui

2 × 4 =