Banco Europeu de Investimento financia infraestruturas 5G para a transição digital na Europa

Na foto: Da esquerda para a direita: José Manuel Aisa, CFO da Cellnex; Ricardo Mourinho Félix, Vice-Presidente do BEI; Marco Patuano, CEO da Cellnex; Isard Serra, Diretor Financeiro Global da Cellnex; Virginia Navarro Diretora de Governança Corporativa Global, Financiamento Legal e M&A da Cellnex.

O Banco Europeu de Investimento (BEI) e a Cellnex assinaram um empréstimo histórico de €315 milhões destinado a apoiar a implantação de infraestruturas 5G na Europa. Este financiamento terá um impacto significativo na aceleração da transição digital e na promoção do investimento em infraestruturas de telecomunicações móveis em países-chave, incluindo Espanha, Portugal, França, Itália e Polónia. O projeto mobilizará um investimento total de €631 milhões, o que permitirá melhorar e expandir a cobertura e a capacidade das redes móveis de alta capacidade, tanto em áreas urbanas como rurais.

A iniciativa abrangerá a instalação de novas infraestruturas de telecomunicações, incluindo torres de telecomunicações móveis em zonas urbanas, bem como a modernização de infraestruturas existentes. Além disso, será dada ênfase à implementação de energias renováveis e outras medidas de eficiência energética para reduzir as emissões de CO2 da rede e promover práticas sustentáveis.

Uma parte substancial das novas torres será instalada nas regiões da coesão, onde o rendimento per capita é inferior a 75% da média da União Europeia. Esse enfoque visa atenuar o fosso digital e contribuir para os objetivos da Agenda Digital para a Europa 2020-2030, assegurando que todas as regiões tenham acesso aos benefícios da conectividade 5G.

O vice-presidente do BEI, Ricardo Mourinho Félix, destacou a importância do projeto: “Com este acordo de financiamento, o BEI apoia um grande projeto que irá acelerar a transição digital na Europa. Estas infraestruturas, especialmente a implantação da tecnologia 5G, são uma componente essencial para assegurar a transição digital e para agilizar o acesso de todos os cidadãos aos serviços digitais, independentemente do seu local de residência”.

Por sua vez, José Manuel Aisa, diretor financeiro da Cellnex, expressou a satisfação da empresa com a operação: “Este financiamento vai permitir-nos continuar a apoiar os nossos clientes na implantação de novas instalações que garantam a extensão eficiente e contínua do 5G em vários países. Também estamos muito satisfeitos com as características da operação, com um prazo de vencimento longo e uma margem competitiva, o que nos permite melhorar o prazo médio de vencimento da dívida”.

A parceria entre o BEI e a Cellnex representa uma importante colaboração para o desenvolvimento de infraestruturas de telecomunicações móveis na Europa. O acordo, assinado nesta segunda-feira em Barcelona, demonstra o compromisso das duas entidades em impulsionar a inovação tecnológica e assegurar que os cidadãos europeus tenham acesso ao potencial transformador do 5G, reforçando a competitividade do continente no cenário global.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor coloque o seu nome aqui

11 − 2 =