Conferência Internacional debate impacto das migrações no desenvolvimento

Foto de Ravi Sharma em Unsplash

O Campus da Nova SBE, em Carcavelos, será palco, nos próximos dias 15 e 16 de setembro, da 15ª Conferência Internacional “Migrações e Desenvolvimento”. Considerado um dos principais eventos internacionais nesta temática, contará com dezenas de especialistas mundiais que debaterão durante dois dias a forma como as migrações impactam a nível económico e social os países de origem e de destino.

Num contexto em que o mundo enfrenta mudanças provocadas pela pandemia Covid-19 e pela guerra na Ucrânia, a conferência analisará o impacto destes acontecimentos nas migrações e no desenvolvimento, nomeadamente nos países mais desfavorecidos.

Organizada conjuntamente pela NOVAFRICA Knowledge Center, da Nova SBE; pela Agence Française de Development (AFD); e pelo World Bank, a conferência junta investigadores e conselheiros políticos de vários quadrantes, para debater temas como os efeitos das migrações na pobreza, desigualdade e na formação do capital humano, mas também no empreendedorismo e a importância das redes sociais nas migrações. Serão ainda abordados tópicos como os refugiados em várias partes do mundo, as migrações e as mudanças políticas, tecnológica e demográfica nos países de origem dos migrantes, hoje e ao longo da história.

Entre os oradores convidados estão Anna Maria Mayda, da Universidade de Georgetown, e Frédéric Docquier, Research Program do Luxembourg Institute of Socio-Economic Research (LISER).

O impacto das migrações é significativo, segundo a ONU, estima-se que o número de migrantes internacionais tenha aumentado entre o ano de 2000 e 2020, atingindo 281 milhões de pessoas. Na última década o número de migrantes cresceu a um ritmo de 2,4% ao ano, tendo nos últimos cinco anos aumentado para 2,5%.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor coloque o seu nome aqui

twelve + eleven =