Espanha inaugura primeira central ibérica de hidrogénio

Imagem por Akitada31 de Pixabay

A primeira central industrial de hidrogénio renovável abriu em Lloseta, nas Ilhas Baleares. Esta foi a primeira iniciativa destinada à produção industrial de hidrogénio renovável num país mediterrânico a receber financiamento europeu.

A primeira central industrial de hidrogénio renovável na Península Ibérica foi inaugurada em Lloseta (Maiorca, nas Ilhas Baleares, Espanha) no âmbito do projeto Power to Green Hydrogen Maiorca, liderado pela ACCIONA Energía e Enagás.

A fábrica já tinha iniciado testes de comissionamento em dezembro passado, ao gerar as primeiras moléculas de hidrogénio renováveis e, assim, posicionar-se como o primeiro projeto verde de geração de hidrogénio à escala industrial em toda a Península Ibérica.

A produção será realizada gradualmente, à medida que as infraestruturas e equipamentos de consumo fiquem aptos, no âmbito do projeto subsidiado pela União Europeia Green Hysland, do qual faz parte o Power to Green Hydrogen Maiorca.

O objetivo é construir um ecossistema de hidrogénio renovável na ilha de Maiorca, tendo a União Europeia disponibilizado 10 milhões de euros para o efeito, através da Clean Hydrogen Partnership. Este investimento europeu é o segundo maior subsídio concedido pelo organismo a um projeto de hidrogénio verde e o primeiro a um país da Europa do Sul.

Quando a implementação das infraestruturas estiver concluída, terá uma produção de pelo menos 300 toneladas de hidrogénio renovável ao ano. A energia necessária para a produção do hidrogénio será garantida por duas centrais fotovoltaicas existentes na ilha, com uma capacidade de cerca de 15MW e o hidrogénio produzido poderá ser distribuído através da rede de gás natural existente na ilha.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor coloque o seu nome aqui

five × 4 =