Expedição Internacional Usa Tecnologia de Ponta para Desvendar os Mistérios do Fundo do Mar na Madeira

Na foto: Alforreca do Atlântico (Expedição MSM126)

Uma equipa de 22 cientistas internacionais vai a embarcar na expedição MSM126, com destino à ilha da Madeira, à procura de respostas sobre as profundezas do oceano. Equipados com sofisticados sistemas de captação de imagem, redes especiais e um robot de águas profundas, esses especialistas estão determinados a explorar os mistérios que se escondem no fundo do mar ao redor da ilha.

Coordenada pelo GEOMAR Helmholtz Centre for Ocean Research Kiel, a expedição, em parceria com o MARE – Centro de Ciências do Mar e do Ambiente, visa compreender melhor os habitats subaquáticos e a biodiversidade na região, particularmente o papel das alforrecas na cadeia alimentar oceânica.

O mar profundo em torno da Madeira é uma área pouco explorada na Macaronésia, mas de extrema importância para o ciclo do carbono e dos nutrientes. Essas águas enfrentam constantes ameaças devido à pressão humana e ao aumento das temperaturas, destacando a urgência de expedições científicas como esta para ampliar o conhecimento e desenvolver estratégias de proteção para esses ecossistemas.

Ao longo de aproximadamente um mês, os pesquisadores irão utilizar uma variedade de instrumentos e tecnologias de última geração para investigar as profundezas marinhas. A expedição não só proporcionará insights valiosos sobre os ecossistemas únicos do fundo do mar ao redor da ilha da Madeira, mas também fortalecerá parcerias internacionais e abrirá novas oportunidades de desenvolvimento e investimento para Portugal.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor coloque o seu nome aqui

4 × 2 =