Jovens usam os smartphones para aceder às redes sociais

A Uniplaces, plataforma online para alojamento de estudantes universitários, realizou um inquérito online junto de estudantes de várias nacionalidades, com o objetivo de compreender o comportamento digital dos jovens estudantes nomeadamente no que concerne à utilização dos dispositivos móveis.

No âmbito deste inquérito, a Uniplaces apurou que a maioria dos estudantes utiliza maioritariamente o smartphone em movimento (60,7%), nos transportes públicos (55,3%) e na casa de banho (53,1%).

O principal propósito para a utilização dos smartphones por estes estudantes, que incluem jovens de nacionalidade portuguesa, espanhola, francesa, alemã, britânica e italiana, entre outros, é para a utilização de redes sociais (71,4%), manter-se em contacto com os amigos (67,8%) ou consultar o email (49,6%).

Este inquérito online realizado pela Uniplaces revela ainda que a principal aplicação utilizada é o WhatsApp (40,8%), considerada a preferida dos estudantes de nacionalidade espanhola e italiana. Por sua vez, os portugueses e os franceses demonstram maior preferência para a rede social Facebook.

O comportamento de compra dos estudantes através dos dispositivos móveis foi também analisado neste inquérito, que revela que são os britânicos que mais compram através do smartphone (45,4%), enquanto que a maioria dos estudantes franceses prefere não realizar as suas compras via mobile (44,1%). De uma forma geral, entre todos os inquiridos existe uma maior predisposição para a pesquisa através de dispositivos móveis, mas o ato de compra é feito através do desktop.

‘Os millenials vivem o mundo digital de uma forma muito natural, como mais nenhuma outra geração consegue e sabe viver. Estão a trazer novos hábitos e comportamentos de consumo, têm valores distintos, e é muito importante que as empresas e as marcas compreendam as suas especificidades, para conseguirem comunicar com eles de forma efetiva. Os resultados deste inquérito revelam dados interessantes, alguns mesmo surpreendentes’, explica Miguel Santo Amaro, co-fundador da Uniplaces.

Este inquérito realizou-se entre 27 de outubro e 8 de novembro de 2016, tendo como base as respostas de 1528 estudantes, provenientes de várias nacionalidades (Portugal, Espanha, Itália, Alemanha, França, Reino Unido, outros). Portugal contou com a participação de 146 respondentes. O inquérito foi realizado através da plataforma online GetFeedback e divulgado no blog da Uniplaces.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor coloque o seu nome aqui

four + 14 =