Otovo inicia operações em Portugal com modelo de subscrição para energia solar

Manuel Pina, Diretor Geral da Otovo em Portugal
Manuel Pina, Diretor Geral da Otovo em Portugal

A Otovo, plataforma digital líder na Europa de instalações solares e baterias residenciais, iniciou as suas operações no mercado português. Liderada por Manuel Pina, é a primeira empresa no mercado a oferecer a energia solar como um serviço, ao lançar um modelo de subscrição mensal, sem necessidade de investimento inicial.

Numa altura em que o mercado enfrenta uma crise energética global com preços crescentes, a Otovo pretende democratizar o acesso ao consumo de energia solar residencial, acelerando a tão necessária transição energética.

Manuel Pina, antigo responsável da Uber em Portugal, defende que o acesso fácil viável ao autoconsumo “é a chave para ajudar as famílias a reduzir os seus custos com energia assim como a sua dependência da rede e da volatilidade do mercado”. Para o Diretor Geral da Otovo em Portugal, “o modelo de subscrição mensal permite às famílias terem poupanças imediatas na sua fatura energética sem investimento inicial”.

“Através da nossa tecnologia, em poucos passos, os clientes podem estimar o sistema que melhor se adapta às suas próprias necessidades e rapidamente inscrever-se para uma assinatura ou aquisição. Para os instaladores queremos ser a forma mais eficiente de gerar mais vendas sem custos de aquisição ou deslocação”, acrescenta Manuel Pina.

Portugal é o décimo país a receber a empresa norueguesa, cotada na Euronext Growth com uma capitalização de mercado de cerca de 350 milhões de euros. A Otovo foi fundada em 2016 por Andreas Thorsheim em Oslo, onde a empresa está sediada.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor coloque o seu nome aqui

1 + 2 =