Programa Clean Future Apoia Startups na Sustentabilidade das Cidades do Futuro

Ilustração de Freepik

Estão abertas as candidaturas para a segunda edição do Clean Future, um programa de aceleração da Unicorn Factory Lisboa, destinado a startups com soluções CleanTech. Com um total de 20 mil euros em prémios, as inscrições decorrem até 9 de junho no website oficial do programa.

O Clean Future tem como objetivo apoiar startups que desenvolvam soluções tecnológicas para cidades mais sustentáveis, focando-se em áreas de grande impacto como a construção, a mobilidade e o retalho. Este programa surge em resposta aos desafios que estas áreas enfrentam no caminho para a sustentabilidade, promovendo o desenvolvimento urbano aliado ao respeito pelo ambiente.

“Na Unicorn Factory Lisboa, temos como missão potenciar a inovação e o impacto na cidade de Lisboa e na sociedade. O Programa Clean Future apoia soluções que promovem a sustentabilidade urbana, essencial para o desenvolvimento das cidades do futuro. Com o sucesso da edição anterior, alargámos o âmbito internacional do programa, envolvendo três cidades europeias, para ampliar o impacto e acelerar a transição para cidades mais verdes e sustentáveis”, afirma Gil Azevedo, diretor executivo da Unicorn Factory Lisboa.

Nesta segunda edição, o Clean Future ganha uma dimensão internacional, aproveitando a eleição de Lisboa como Capital Europeia da Inovação. O programa conta com a colaboração de três cidades europeias: Helsínquia, San Sebastian e Marselha, com o apoio da Urban Tech Helsinki, o Fomento San Sebastian e L’Accélérateur M. Esta parceria permitirá a participação de mais startups internacionais e fortalecerá o apoio aos participantes, potenciando a inovação através da partilha de conhecimentos e mentores.

Os parceiros que vão apoiar as startups com soluções em cada uma das categorias onde se espera um elevado impacto na sustentabilidade das cidades, são a MEXT (Mota-Engil), na categoria de Construção; EMEL, na categoria de Mobilidade; e GS1 Portugal na categoria de Retalho.

Os participantes terão acesso a um programa de dez semanas, que inclui sessões de mentoria e masterclasses com especialistas e parceiros. No final do programa, a 3 de outubro, as startups apresentarão as suas soluções a um painel de jurados, que determinará os vencedores de cada categoria, premiados com 5 mil euros cada, e o vencedor global, que receberá um adicional de 5 mil euros.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor coloque o seu nome aqui

4 × 2 =