Álvaro Meyer CEO da Volup: “Estou na idade de arriscar!”

Álvaro Meyer CEO da Volup

A Volup é uma aplicação de food delivery focada no segmento premium da restauração. Fundada por Álvaro Meyer em plena pandemia veio trazer uma nova visão ao setor da entrega de refeições ao domicílio.

Criada em dezembro de 2020, a aplicação de food delivery, Volup, é uma plataforma de entregas de experiências gastronómicas, especializada no segmento premium da restauração. O conceito surgiu no Estoril, com 5 restaurantes e terminou o ano com 77 espaços na sua oferta. Agora a sua atividade começa a expandir-se para os centros urbanos de Lisboa e Porto ao mesmo tempo que agrega à sua lista de restaurantes o Estoril Mandarim, o mais exclusivo dos restaurantes do Casino Estoril.

A ideia nasceu durante os confinamentos causados pela pandemia. Álvaro Meyer tinha uma frota de carros de TVDE e foi contratado para fazer serviços de entregas de restaurantes premium. Na conversa com os responsáveis dos restaurantes que o contratavam percebeu que estes não queriam juntar-se às grandes marcas de food delivery, para não associar os seus restaurantes ao conceito de fast food que caracteriza esse tipo de atividade.

“Foi nesse momento que pensei que deveria existir um player no mercado focado neste segmento”, diz o CEO da Volup. “Sempre fui muito empreendedor e acredito que estou na idade de arriscar”, sublinha Álvaro Meyer. “Com 15 anos montei o meu primeiro ‘negócio’ e desde então soube que seria empreendedor.”

A decisão de avançar, no entanto, não foi fácil.“Tive muitas dúvidas porque não consegui nenhum investidor e teria que arriscar bastante do meu próprio dinheiro, mas sabia que quando fosse mais velho iria arrepender-me de não ter tentado. Assumi que no pior dos cenários perderia o meu investimento, mas levaria uma grande experiência para o resto da minha vida”, acrescenta.

Foto de Volup

O negócio de delivery, onde a aplicação se insere, conquistou terreno nos últimos tempos, sendo esta uma tendência que se instalou no dia-a-dia dos portugueses. Em apenas um ano, a Volup registou um crescimento extraordinário, tendo começado em 2021 com 50 utilizadores e terminado o ano com 18.500. Além disso conta com uma taxa de fidelização elevada e um ticket médio de 50€ por encomenda, um valor acima da média do setor.

“Neste momento, contamos com mais clientes habituais na aplicação do que durante os períodos de confinamento, o que prova que o ‘delivery’ é para ficar, como modo de consumo, que facilita o acesso a determinados menus de forma cómoda e garantindo o máximo de qualidade durante o processo de entrega”, frisa Álvaro Meyer.

“O delivery veio para ficar”

Crescer rumo à internacionalização

A aplicação iniciou a sua atividade na capital portuguesa e, atualmente, já atua também na linha de Cascais e no Porto. Odivelas, Belas e Leça são as mais recentes zonas de entrega da Volup, que vêm consolidar a expansão da atividade da empresa de Álvaro Meyer – cujo volume de vendas em 2021 superou os 700 mil euros – no território português.

De acordo com os dados da empresa, cerca de 20% do portfólio de restaurantes da app é exclusivo da Volup, e não trabalha com nenhuma outra plataforma de serviço de entrega, como é o caso do Kanazawa, Solar dos Nunes, Varanda de Lisboa, Shun, Sommelier, Mis by Tatar-Ia, Kai Lisboa, Furnas do Guincho e o mais recente membro da ‘família’ Volup, o Estoril Mandarim.

Paulo Bertão, diretor comercial do Casino Estoril, destaca que o restaurante Estoril Mandarim “é uma referência gastronómica a nível nacional e tem uma excelente carteira de clientes fidelizados”. “Efetuámos um estudo de mercado e verificámos que a Volup é o parceiro ideal, pois apresenta uma imagem premium e de qualidade que vai ao encontro dos padrões de serviço do restaurante”, acrescenta.

Foto de Volup

Segundo um inquérito realizado pela Volup junto dos espaços de restauração com os quais trabalha, a aplicação aumentou, em média, as vendas do restaurante entre 10% a 30%, sem necessidade de investimento por parte do próprio restaurante ainda que alguns tenham acabado por montar uma operação independente ao restaurante físico, para dar resposta ao aumento da procura.

“Neste momento já temos validado o modelo de negócio e queremos continuar a crescer em Portugal. O objetivo nos próximos 6 meses é angariar capital de investidores para levar o nosso conceito para fora de Portugal”, sublinha Álvaro Meyer.

“É importante manter a mente aberta para mudar o plano inicial”

Com um percurso profissional diversificado O fundador da Volup valoriza o Empreendedorismo pela liberdade de construir o seu percurso à sua maneira. “Já trabalhei para outras empresas com grande estrutura onde aprendi imenso, mas a liberdade criativa de ter o meu próprio negócio é o que mais me apaixona. Certamente a minha família e os meus amigos estariam mais tempo comigo se tivesse outro trabalho, mas adoro o facto de estar a construir o meu próprio caminho.”

“Por mais duro e difícil que seja o caminho, vale sempre a pena arriscar”, frisa Álvaro Meyer. “Existe uma grande probabilidade das coisas não correrem como queremos, mas é um caminho cheio de aprendizagens e de crescimento a todos os níveis. Tenho pena que, por medo, muitas pessoas com ideias não arrisquem, e existem imensos projetos interessantes que morrem na fase da ideia.”

“A melhor aprendizagem que retiro destes últimos anos é a importância de manter a mente aberta para mudar o nosso plano inicial. Montar uma empresa é como nos atirarmos de um precipício e construirmos o paraquedas enquanto estamos a cair. Na maioria das vezes temos de improvisar e é essa capacidade de reação que marca a diferença.”

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor coloque o seu nome aqui

eleven − 9 =