BusinessRail – Usar a via-férrea para abrir novos negócios na China

Gabriela Faria de Oliveira em visita ao Museu Nacional Ferroviário.
Foto: BusinessRail Experience

De 9 a 20 de outubro de 2019 empresários de diversas nacionalidades e setores farão parte de uma comitiva que, através de uma viagem de comboio, participará de atividades culturais e de negócios na China.

O BusinessRail é uma iniciativa lançada pelo Centro Internacional de Cultura (CIC) e promovido por Gabriela Faria de Oliveira, Diretora Executiva do CIC e Founder & CEO do BusinessRail Experience.

O evento, que está já na sua terceira edição, vai levar empresários numa viagem de doze dias através da China, de Pequim até Macau. O conceito é usar o trilho da via-férrea como um elo comum para reunir pessoas com objetivos de crescimento pessoal e profissional como disse, em entrevista ao Empreendedor, Gabriela Faria de Oliveira.

O que é o BusinessRail Experience?

 – O BusinessRail Experience é um evento dinâmico, que promove o crescimento profissional, através do networking e oportunidade de negócios entre os empresários locais e a comitiva internacional que acompanha cada percurso. Além disso, tem o fator cultural que consideramos bastante relevante, no sentido de promover a história e cultura de cada cidade visitada. Também abrange o âmbito do desenvolvimento pessoal, já que inclui workshops, seminários e experiências que fazem com que os participantes vão além nas suas capacidades e conhecimentos.

Além de ser uma ótima oportunidade para aqueles que nunca fizeram um Interrail, agora fazerem um BusinessRail, cumprindo com os seus objetivos e carreiras profissionais ao mesmo tempo que se desenvolvem visitas, contatos e amizades pelo percurso.

“é um evento dinâmico, que promove o crescimento profissional”

Como teve ideia do conceito?

 – Sempre gostei de viajar de comboio, e numa oportunidade verifiquei que estavam alguns empresários na mesma carruagem, mas que não se conheciam e, naturalmente, não se falaram. Foi aí que me ocorreu! Porque não aproveitar a mobilidade e o conforto do comboio para “recolher” empresários de diferentes regiões e consequentemente coloca-los em contacto, gerando assim oportunidades de negócio? Foi assim que nasceu o BusinessRail, um projeto do CIC – Centro Internacional de Cultura, cujo objetivo é o de ligar pessoas, instituições, governos, associações, empresas, etc., enfim fomentar o melhor do networking.

O primeiro BusinessRail, em 2018, que lançou a Edição Ibérica foi realizado entre o CIC – Centro Internacional de Cultura e a AJEPC – Associação de Jovens Empresários Portugal-China, um parceiro forte e dinâmico que acreditou no projeto, e que tem continuado a apoiar. E é nesse sentido de trabalho conjunto que concluímos o BusinessRail Ibérico na FIN – Feira Internacional de Negócios e a Edição da China na MIF – Feira Internacional de Macau.

Contamos também com a JEUNE – Organização de Jovens Empresários da União Europeia e a Federação SinoPLPE como Organizadores do BusinessRail, importantes aliados nesta expansão internacional de princípios que são comuns à todos: Gerar networking e oportunidades entre os participantes e parceiros do BusinessRail.

“o objetivo é ligar pessoas, instituições, governos, associações, empresas e fomentar o melhor do networking”

Porque escolheu o comboio para meio de transporte de ligação?

 – Penso que seja o melhor meio de transporte para essa iniciativa, pois é de fácil acesso, confortável e permite que os participantes integrem a Carruagem do BusinessRail em diferentes estações. Lá dentro, desenvolvemos diversas atividades de networking, desde “speed meetings” com temporizador, onde as pessoas trocam de lugar para falarem todas umas com as outras, apresentando os seus negócios e objetivos de forma rápida, sendo que podem fazer follow up ao longo dos restantes dias da viagem.

Além disso, realizam-se apresentações mesmo com projetores, foi engraçado ver que para todos os participantes da última edição foi mesmo uma experiência inédita. É aproveitar o tempo sobre os carris para fazer com que as pessoas se conheçam melhor, enfim, colocar os “empresários da mesma carruagem” a falar. Além disso, em países como a China ou continentes como o Europeu, onde a livre circulação de bens e pessoas conjugada com a boa infraestrutura ferroviária faz com que essa ideia se concretize mais facilmente.

Gabriela Faria de Oliveira em visita ao Museu Nacional Ferroviário – Entroncamento

Porquê a China como destino desta edição?

 – Como referi, o BusinessRail fomenta muito o networking e as parcerias com associações, governos, empresas e entidades a nível internacional. Neste sentido, o BusinessRail se movimenta de acordo com as oportunidades e parceiros que se aliam ao conceito em cada mercado. Temos mesmo os “Official Hosts” de cada Cidade, no caso da edição na China contamos com a Shenzhen Overseas Chinese Returnees Association (SZOCRA), e em Hong Kong com o InvestHK e com a HKTDC, por exemplo.

Qual a duração e em que cidades vão passar?

 – O total da viagem é de 12 dias, onde passaremos por Pequim, Xangai, Shenzhen, Hong Kong e Macau. Muitos empresários poderão ficar assustados quando falamos em 12 dias, mas o BusinessRail está adaptado a eles, por isso podem fazer percursos menores, integrando a viagem a partir de Xangai ou Shenzhen, ou mesmo criando o seu percurso personalizado de entrada e saída.

Que tipo de contactos estão previstos?

 – Como se trata de um evento multisetorial, conta com contatos e visitas de interesse junto às mais diversas áreas. Vamos estar em contacto com empresários locais, notadamente nos almoços e jantares de networking em cada cidade, além de visitas à empresas, associações empresariais onde decorrerão seminários de negócios, além de visitas institucionais junto a embaixadas e órgãos oficiais. Participaremos também em grandes eventos como a 24ª MIF – Feira Internacional de Negócios, promovida pelo IPIM e pela AJEPC – Associação de Jovens Empresários Portugal-China no âmbito da organização do pavilhão dos Países de Língua Portuguesa, que também desenvolverá o 5º Fórum de Jovens Empresários Portugal-China.

Além do âmbito empresarial, o jurídico também se irá envolver nesta edição, onde contaremos com a realização do 7º CID – Congresso Internacional de Direito, que desenvolverá a temática “Os meios alternativos de resolução de conflitos no contexto internacional: Arbitragem e Mediação”, organizado pela CJLP – Comunidade de Juristas de Língua Portuguesa, que pretende colocar na mesa questões de âmbito jurídico mas que afetam o dia-a-dia dos empresários, este Congresso vai colocar estes dois “mundos” a falar.

Apresentação de negócio durante o BusinessRail Iberian 2019

O que é que os participantes podem esperar?

 – “A once in a lifetime business experience”! O slogan diz tudo. É uma experiência única de contacto e networking com entidades, empresas e pessoas que têm o objetivo comum de se darem a conhecer e de, ao mesmo tempo, conhecerem as regiões, história, monumentos e gastronomia. E quando a experiência terminar voltamos para casa com histórias para contar, cartões de visitas, assuntos de interesse para fazer follow up, novos negócios e grandes amigos de todo o mundo.

Qual a diferença relativamente a anteriores edições?

 – Esta edição é mais ambiciosa, é a mais longa até agora em termos de duração e geografia, o que significa mais atividades e contactos pelo caminho. Além de que o facto de acontecer no mercado chinês acaba por ser diferente não só em termos culturais como também em termos de dimensão de mercado.

“Esta edição é mais ambiciosa e mais longa, o que significa mais atividades e contactos pelo caminho”

Já tem planeadas novas edições? Que destinos estão previstos?

 – Quando falamos de carris e em oportunidades de negócios as combinações são infinitas. Então passa pela cooperação entre as entidades e parceiros locais para o desenvolvimento de cada nova edição. No próximo ano já temos previstas a edição da Europa Central, bem como a repetição do BusinessRail Ibérico e do BusinessRail China, ambas em percursos diferentes dos das anteriores, tudo para fomentar a integração de diferentes regiões, entidades e negócios locais.

Além das BusinessRail Experiences, no próximo ano realizaremos Seminários de Networking do BusinessRail no Dubai, Cidade da Praia, Bahrain, Beirute, Maputo, Luanda, São Tomé e Bissau.

Mas não paramos por aqui! O projeto do BusinessRail prevê em 2024 a realização de uma edição que remonta os antigos percursos da Rota da Seda, mas agora sobre carris. Vamos ligar Pequim à Lisboa em um BusinessRail de vários dias, onde a entrada e saída de empresários permitirá uma constante renovação de contactos e experiências ao longo do caminho.

Empresários chineses no BusinessRail Lisboa-Porto 2018

O foco dos negócios é sempre generalista ou preveem edições temáticas em áreas de negócio específicas?

 – Até agora temos vindo a desenvolver eventos de âmbito multissectorial, mas em breve desenvolveremos edições dedicadas a setores de atividades específicos, no sentido de todos os assuntos e visitas estarem direcionados no mesmo sentido. No entanto, o facto de ser multissetorial muitas vezes revela algumas boas surpresas de oportunidades de negócios que se não nos deparássemos com elas, nunca se concretizariam.

Que entidades apoiam o evento?

 – O BusinessRail é organizado pelo CIC – Centro Internacional de Cultura, pela JEUNE – Organização de Jovens Empresários da União Europeia e pela Federação SinoPLPE (que congrega associações dos Países de Língua Portuguesa, Espanhola e China). O evento conta também com a Coorganização da AJEPC – Associação de Jovens Empresários Portugal-China e com a CJLP – Comunidade de Juristas de Língua Portuguesa.

Além disso, contamos com os nossos parceiros locais como a Associação Cultural Portuguesa (ACPT), a China Europe International Business Association (CEIBA), China Digital HUB, Centre Euro Africa, ConfCommercio, International Board of Entrepreneurs & Business People (Entreps), European Chamber (EuCham), Federación Iberoamericana de Jóvenes Empresarios (FIJE), Young Entrepreneurs Association of Hungary (FIVOSZ), Henkuai (Spain-China relations project), MPA Slovenia (Networking Organization of Young Entrepreneurs), Organismo Internacional de Juventud (OIJ), Sociedade Portuguesa de Inovação (SPI) e a Shenzhen Overseas Chinese Returnees Association (SZOCRA).

Contamos também com o apoio institucional da Associação Brasileira das Indústrias de Biscoitos, Massas Alimentícias e Pães & Bolos Industrializados (ABIMAPI), com o Governo de Hong Kong (InvestHK), HKTDC, com a Academia Paulista de Direito e com Romana Tomc, membro do Parlamento Europeu.

Temos ainda os patrocinadores do BusinessRail Experience, entre eles a Agência de Viagens oficial do BusinessRail, a ColourTravel e a Delta Q, que inclusive participou ativamente na edição Ibérica, onde tivemos café da Delta na Carruagem do BusinessRail acabadinho de sair da máquina, não é necessário dizer que todos os empresários adoraram.

Contamos também com o precioso apoio do Empreendedor como nosso Media Partner, que nos tem levado mais além neste percurso de âmbito internacional dando a conhecer nossas edições com constantes novidades.

O BusinessRail conta ainda com um Conselho Consultivo com membros de alto nível de diversos países, profissionais que acompanham as atividades e acrescentam valor através da sua própria rede de contatos e propostas que mantêm as edições interessantes e dinâmicas.

Como é que os empresários se podem inscrever?

 – Os empresários podem se inscrever através do site https://www.businessrailexperience.com/, lá encontrarão o Programa do China BusinessRail’19 e poderão preencher o formulário a informar o percurso que pretendem fazer, se todo o itinerário ou parte dele. A partir daí fazemos o contato direto e tratamos dos detalhes para a participação.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor coloque o seu nome aqui

20 + ten =