Câmara de Comércio e Indústria Luso-Francesa distingue projetos de sucesso

Foto: CCILF

A Câmara de Comércio e Indústria Luso-Francesa (CCILF) anunciou as 18 empresas finalistas dos Troféus Luso-Franceses 2019. A iniciativa distingue o esforço e o sucesso de empresas portuguesas e francesas no desenvolvimento de estratégias e investimentos em Portugal e em França.

Nesta 26.ª edição, um júri independente, composto por representantes da AICEP Portugal Global, IAPMEI, Conselheiros do Comércio Exterior, empresários, patrocinadores e parceiros do evento, selecionou 18 empresas, as finalistas destes Troféus Luso-Franceses.

As nomeadas para o Troféu Exportação são: BBG, SA., que se dedica ao fabrico de portas, janelas e elementos similares em metal; Felino – Fundição e Construções Mecânicas, SA., empresa com atividade na indústria metalúrgica e metalomecânica; e WSP – Welding, Structure and Piping – Serviços Industriais, SA., que efetua instalações elétricas.

Na categoria PME, as empresas finalistas são: Balanças Marques de José Pimenta Marques, Lda., que desenvolve soluções de pesagem; Doitlean, SA., com atividade de consultoria em informática; e Irmãos Sousa, SA., empresa do setor metalúrgico.

No Troféu Investimento, os nomeados são: a farmacêutica Biocodex; a Delabie, que fabrica e comercializa artigos sanitários para espaços que recebem o público; e a Teleperformance, empresa de customer service.

A disputar o Troféu Inovação estão: Enamorata Unipessoal, Lda., que se dedica à moda de praia; Visound Acústica, SA., de produção e design de soluções de isolamento acústico; e Vista Alegre, que opera no setor da indústria e comércio de porcelana.

As finalistas do Troféu Desenvolvimento Sustentável são as seguintes: a Extruplás Lda., que recicla e produz produtos de plástico; a distribuidora automóvel Renault Portugal, SA., e a Voltalia, SA., que se dedica às energias renováveis.

No Troféu Startup, os nomeados são: Box4Guest, empresa de comércio e exportação de produtos locais; Cybele Lawgical, Lda., com atividade na área da engenharia espacial; e Maison Jeanne (Jabadao Creations), de comércio online.

Será ainda atribuído um Troféu do Júri.

Os vencedores vão ser conhecidos na Gala dos Troféus Luso-Franceses 2019, a ter lugar no Sud Lisboa, a 10 de outubro. A cerimónia será presidida por Pedro Siza Vieira, Ministro da Economia, e Florence Mangin, Embaixadora de França em Portugal.

Fundada em 1887, a Câmara de Comércio e Indústria Luso-Francesa é uma associação privada reconhecida como Utilidade Pública, com uma rede de cerca de 620 associados em Portugal e França.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor coloque o seu nome aqui

13 − eight =