Comissão Europeia cria fundo de investimento de mil milhões de euros para startups

O comissário europeu Carlos Moedas anunciou que a Comissão Europeia lançou um fundo de investimento para apoiar as empresas em crescimento. O fundo, num valor estimado em mil milhões de euros, terá de ter sempre um peso minoritário face ao investimento privado, explicou Carlos Moedas, pelo que o valor total do investimento nas startups terá de ser, pelo menos, o dobro do valor anunciado.n’É um fundo para investir no crescimento das empresas da Europa. Eu diria que é fácil criar empresas na Europa, mas depois começam a crescer e têm que ser vendidas muitas vezes a fundos norte-americanos ou outros porque nós não temos fundos de dimensão para investir nesse crescimento’, disse o comissário aos jornalistas presentes no Web Summit.

Segundo o comissário europeu para a Investigação, Ciência e Inovação, Carlos Moedas, até janeiro, a Comissão Europeia irá anunciar a entidade que vai gerir o fundo de investimento europeu, e essa entidade terá capacidade também para captar dinheiro privado. ‘A ideia aqui é ter um fundo de mais de mil milhões de euros, que possa ter a capacidade de investir em montantes mais elevados’, para fixar as empresas na Europa, afirmou Carlos Moedas, sublinhando que atualmente os fundos de investimento europeus têm, em média, metade do volume financeiro dos norte-americanos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor coloque o seu nome aqui

four × three =