Coupang Compra Farfetch em Negócio de 500 Milhões de Dólares

Foto de Farfetch

A gigante do comércio eletrónico cotada na bolsa de Nova Iorque, Coupang, anunciou o seu plano de adquirir a Farfetch Holdings, retalhista online de moda de luxo, num acordo no valor de 500 milhões de dólares. A aquisição visa fornecer à Farfetch, que enfrenta desafios financeiros devido à desaceleração na indústria de luxo, o capital essencial para continuar as suas operações.

A negociação das ações da Farfetch, a primeira empresa “unicórnio” de origem portuguesa, que tem uma capitalização de mercado de 226,7 milhões de dólares, foi interrompida após o anúncio, enquanto as ações da Coupang registaram uma queda de 4,5% na segunda-feira. O acordo envolve o grupo de investidores que detém mais de 80% dos empréstimos da Farfetch, no valor de 600 milhões de dólares.

A Farfetch, fundada em 2007, por José Neves, tem sede fiscal em Londres, mas parte das suas operações estavam a ser desenvolvidas em Matosinhos, onde tem em curso um investimento imobiliário de 200 milhões de euros.

A empresa que se tornou a primeira startup portuguesa a atingir um valor superior a mil milhões de dólares é uma plataforma de comércio eletrónico que facilita vendas online para marcas de luxo. Porém, recentemente a Farfetch enfrentou desafios devido à desaceleração na indústria, tornando difícil obter lucro com investimentos em tecnologia. A empresa também sofreu cortes nas classificações de crédito nas últimas semanas.

A Coupang, frequentemente referida como a “Amazon da Ásia”, opera vários serviços, incluindo entrega de alimentos, transmissão de vídeo e serviços de pagamento em mercados como a Coreia do Sul, Taiwan, Singapura, China e Índia. A aquisição visa combinar a experiência logística da Coupang com a experiência da Farfetch em vender marcas de alta qualidade, com foco especial na expansão do mercado de bens de luxo em rápido crescimento na Coreia do Sul.

O acordo inclui um investimento da Greenoaks, uma notável empresa de investimentos. O JPMorgan assessorou a Farfetch nesta aquisição. Prevê-se que a aquisição reformule a Farfetch como uma empresa fora dos mercados bolsistas, dessa forma eliminando os investimentos dos acionistas, incluindo o do fundador e CEO José Neves. As ações da Farfetch registaram uma queda de 38% nas negociações antes da abertura do mercado, após o anúncio, atingindo uma capitalização de mercado de 254 milhões de dólares, abaixo do pico de 26 mil milhões de dólares em fevereiro de 2021.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor coloque o seu nome aqui

fifteen − 5 =