Digitalização transforma transporte rodoviário

Foto de Gabriel Santos em Unsplash

Os serviços digitais vão poupar tempo e dinheiro no transporte rodoviário. A convergência crescente da tecnologia e dos serviços financeiros tem sido uma das principais tendências da atualidade, agora essa tendência alarga-se ao transporte rodoviário, impulsionada por uma nova indústria: a Fintech, combinando o melhor de dois mundos.

Um dos efeitos da transformação digital, que tem afetado inevitavelmente todas as indústrias, é a convergência dos serviços financeiros e das tecnologias modernas – a Fintech, que, com o seu forte background tecnológico, permite às empresas inovar mais rapidamente, bem como beneficiar de maiores possibilidades de integração com outros serviços digitais, além de incluir múltiplos serviços numa solução integrada de um único fornecedor.

Como é que isto se insere na mobilidade? É simples. Segundo a Eurowag, no transporte rodoviário, por exemplo, isto pode significar combinar serviços telemáticos, cartões de combustível, cobrança de portagens rodoviárias em toda a Europa, financiamento de atividades operacionais, seguros, conversão de moeda – tudo isto numa única oferta de um único fornecedor que fornecerá tanto a tecnologia como os serviços financeiros relacionados.

Transporte rodoviário numa viagem de digitalização

O transporte rodoviário oferece uma vasta gama de oportunidades para a digitalização e serviços de Fintech. As tecnologias desempenham um papel fundamental, por exemplo, na otimização da rota dos camiões para minimizar os custos ou na recolha de dados telemáticos em tempo real e a sua transmissão para a sala de controlo do transportador.

Também nas estações de serviço o motorista pode comparar os preços dos combustíveis em diferentes estações de abastecimento no visor de navegação. O pagamento pode ser feito com um cartão de combustível ou automaticamente utilizando um sistema de pagamento a bordo. As transações sem dinheiro não só são mais rápidas, mas também mais seguras, deixando pouco espaço para potenciais fraudes.

Aas empresas Fintech, como é o caso da Eurowag, ligam uma solução de pagamento com sistemas de fornecedores de combustível em toda a Europa, para que o transportador receba uma única fatura para todos os seus camiões. Os benefícios de uma integração complexa por parte do fornecedor de serviços de pagamento representam um grande valor acrescentado para o transportador, em comparação com os sistemas habituais de cartões de combustível.

Além disso, um fornecedor de soluções tecnológicas com capacidades de serviços financeiros pode fornecer um Serviço Eletrónico Europeu de Portagens (SEEP), cuja diretiva foi já aprovada no espaço europeu, através do qual os condutores apenas necessitarão de um único equipamento de bordo e de um único contrato com um fornecedor para pagar a portagem em vários países europeus. O fornecedor do SEEP tratará da liquidação do pagamento com todos os respetivos operadores do sistema de portagens e o transportador receberá uma única fatura para toda a viagem, independentemente do itinerário real.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor coloque o seu nome aqui

16 − four =