Housers é a primeira empresa em Portugal a obter o certificado Capgemini ScaleUp

Imagem de Stux em Pixabay

A plataforma de investimento imobiliário Housers – líder em Espanha, Portugal e Itália – acaba de obter o certificado de Capgemini ScaleUp, no âmbito do programa realizado pela empresa líder internacional de consultoria tecnológica, que tem como objetivo avaliar o negócio de startups a nível internacional e otimizar o ecossistema fintech. Distinguida pelo seu modelo de negócio, a Housers é a primeira empresa espanhola e a primeira empresa presente em Portugal a conseguir esta classificação.

O programa ScaleUp Qualification da Capgemini identifica as startups preparadas para oferecer o melhor serviço aos seus clientes, com base numa análise global centrada em quatro pontos: gestão de pessoas, viabilidade do modelo de negócio em termos financeiros, inovação e disrupção nos serviços oferecidos e questões tecnológicas. A consultora destacou o modelo de negócio da Housers, que consiste em democratizar o investimento em projetos imobiliários, em solucionar barreiras para os investidores e em oferecer vantagens aos promotores, representando uma alternativa de financiamento aos processos complexos e longos dos meios tradicionais de financiamento.

Outro dos pontos valorizados pela Capgemini está relacionado com a boa experiência de cliente que a plataforma de crowdfunding oferece. A consultora valorizou a entrega de resultados nos prazos acordados, a flexibilidade da equipa na resolução de conflitos e o crescimento da empresa desde o seu lançamento em 2015. São estes fatores, que de acordo com a consultora Capgemini, permitem à Housers ser a plataforma de financiamento participativo líder no sul da Europa.

Para João Távora, responsável pelos mercados internacionais da empresa espanhola, incluindo Portugal, a obtenção deste selo é “um enorme orgulho e uma prova do excelente trabalho que temos vindo a desempenhar. Receber este certificado de uma das maiores consultoras tecnológicas do mundo permitirá criar sinergias com outras empresas participantes no programa e obter uma maior visibilidade internacional, num momento em que estamos a trabalhar para expandir a nossa presença noutros países e atrair novos parceiros.”

Em Portugal desde outubro de 2017, a Housers já atingiu os 5 milhões de euros provenientes de mais de 13.000 utilizadores portugueses, que escolheram a plataforma para rentabilizar as suas poupanças. A nível global, a plataforma já conta com mais de 113 mil utilizadores inscritos de mais de 155 nacionalidades diferentes, já ultrapassou os 102 milhões de euros de investimento acumulado e recentemente atingiu os 34 milhões de euros distribuídos em devoluções de capital de e juros.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor coloque o seu nome aqui

two × 5 =