HUUB é a única startup portuguesa entre os finalistas do Fashion Innovation Award

Startup HUUB é a única portuguesa na competição da FIA
Foto: HUUB

A tech fashion HUUB está entre as 12 finalistas ao Fashion Innovation Award (FIA), a decorrer na cidade de Lugano, na Suíça, no dia 2 de Abril. Este evento distingue as empresas que todos os anos procuram revolucionar o setor da moda através da tecnologia. A edição de 2019 tem como temática principal o papel da inteligência artificial e de machine learning na cadeia de valor da indústria da moda, desde a prototipagem ao comércio eletrónico.

No anúncio oficial, a organização do FIA aponta a HUUB como “a próxima grande sensação das startup portuguesas que está a agitar a bilionária indústria fashion através da logística. (…) A proposta de valor da HUUB assenta na agregação de múltiplos serviços num único ponto de contacto, previsibilidade e simplicidade do modelo de negócio, economias de escala para as marcas de moda e total visibilidade do negócio na sua plataforma”.

Na cerimónia de atribuição dos prémios, a startup vai protagonizar um último pitch perante um júri que conta, entre outros, com alguns dos principais nomes do mundo fashion, como a Moschino e a Sergio Rossi, e de tecnológicas como a Accenture. Para Luís Roque, o CEO da HUUB, “vencer a competição seria tremendo, mas chegar aos 12 finalistas é já uma grande vitória”.

“É fantástico obter o reconhecimento de um dos principais eventos fashion a nível mundial, especialmente numa edição focada em inteligência artificial e concorrendo com empresas de ecossistemas como Londres e Silicon Valley”, refere o responsável.

Através da gestão da supply chain de mais de 50 marcas de moda a nível mundial, a HUUB utiliza modelos de otimização para aumentar a eficiência das operações logísticas que decorrem na rede de armazéns da empresa em Portugal e na Holanda, ao mesmo tempo que utiliza a tecnologia para criar insights de negócio que visam apoiar o crescimento das suas marcas

“Desde o primeiro dia que procuramos trazer inovação e de alguma forma revolucionar a indústria da moda, democratizando-a e dando oportunidade a todas as marcas de crescer globalmente. E nós crescemos com elas. É precisamente através da tecnologia e de uma abordagem data-driven que proporcionamos esta aceleração dos resultados”, assegura o CEO da HUUB.

A empresa da comunidade da Startup Braga vai ainda representar Portugal na Fashion Innovation Week, juntando-se a alguns dos principais players a nível mundial como a Google e o Facebook.

A HUUB desenvolveu uma plataforma integrada de logística dedicada à indústria da moda, que gere as interações desde fornecedores até ao cliente final (B2B ou B2C) em mais de 80 mercados, tendo visibilidade e ação sobre todas as etapas da cadeia de abastecimento e o fluxo de dados. As suas grandes vantagens competitivas são a agregação de serviços num ponto de contato único, o modelo de pricing simples e previsível, a obtenção de economias de escala e o controlo total do processo logístico na plataforma.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor coloque o seu nome aqui

eighteen + ten =