ImaginaryCloud: “O segredo do sucesso está na equipa”

A ImaginaryCloud é uma empresa global de desenvolvimento de produtos digitais especializada em aplicações Web e Mobile. Fundada por Tiago Franco em maio de 2010, tem escritórios em Lisboa, Coimbra e Londres e uma equipa com cerca 20 profissionais.

Focada nos sectores da FinTech e eHealth, os seus mercados vão desde Silicon Valley à América Latina, Reino Unido e Europa Central, onde somam 80% do total de faturação. A Nokia, Sage, Hole19, Remax, CTT, Câmara Municipal de Lisboa e Mobimax, são alguns dos clientes que confiaram à ImaginaryCloud o desenvolvimento dos seus projetos. O resultado é um output sólido e capaz de dar resposta às exigências do mercado.

A ideia começou com uma frustração profissional de Tiago Franco que, na altura estava a desenvolver um sistema de GPS para a European Space Agency. Tiago reparou que o modelo de desenvolvimento do sistema estava desajustado na ótica do utilizador. ‘A epifania deu-se quando me apercebi que depois de dois anos de desenvolvimento, o utilizador final ia ter que operar um sistema de satélites com três computadores, três monitores, três teclados e três ratos na sua secretária’, recorda Tiago Franco.

‘É um erro comum desenhar-se sistemas informáticos a pensar nas ideias concebidas dos gestores ou das equipas técnicas, sem nunca questionar o que é que o utilizador final realmente necessita’, sublinha. ‘E foi ao aperceber-me disto que fundei a ImaginaryCloud, porque queremos construir sistemas alinhados com aquilo que os utilizadores querem’.

O processo de aprendizagem levou o criador da ImaginaryCloud a valorizar a aposta numa equipa de capaz de criar uma relação entre designers, programadores e clientes, encontrando soluções equilibradas entre os requisitos técnicos e o utilizador final. Esta aposta na qualidade da equipa é, para Tiago Franco, o segredo do sucesso. ‘No fim do dia as empresas são aquilo que as pessoas fazem delas. E para fazer face aos desafios de um mundo que altera rapidamente são necessários conhecimento e espirito crítico’ sublinha Tiago. Uma estratégia que vem sendo amadurecida nos últimos 7 anos, e cujos resultados se refletem no cumprimento dos prazos das encomendas e no orçamento dos projetos.

‘A simbiose de informação e a comunicação privilegiada dentro da equipa da ImaginaryCloud, permite que rapidamente se atinjam os objetivos, sem que para isso sejam necessários gastos supérfluos para a validação do projeto’ adianta Tiago Franco. ‘Temos um plano sólido de carreiras e damos preferência à contratação de profissionais mais jovens que se identifiquem com o projeto ImaginaryCloud, e queiram crescer cá dentro’, garante, sublinhando que o crescimento da empresa irá refletir-se também na manutenção da qualidade da equipa. ‘Temos e queremos continuar a ter uma equipa de pessoas capazes de lidar com a mudança e por isso investimos em contratar os melhores e em formar os que fazem parte desta equipa’, destaca o fundador do projeto ImaginaryCloud.

Desde a sua fundação a empresa já angariou clientes de renome internacional, e já teve em mãos projetos de valor avultado, mas a preocupação sempre foi a de reinvestir a receita em produto e desenvolvimento, para ‘não recorrer a investimentos externos’.

‘São poucas as ideias ou produtos que passam com sucesso o primeiro contacto com um cliente. É preciso pensar qual vai ser a estratégia de entrada no mercado, e as boas estratégias começam geralmente por lançar o produto a um grupo restrito de potenciais clientes, recolher feedback, melhorar o produto e ir alargando o círculo de clientes conforme se vão fazendo progressos’ explica Tiago Franco. ‘Reinvestir receita em produto numa fase inicial é importante, se for feito desta forma’, comenta.

O grande crescimento da ImaginaryCloud verificou-se em 2015, quando a faturação atingiu um milhão de euros, para 2017 Tiago Franco conta atingir um milhão e meio de euros. ‘Fortune favours the brave‘, diz Tiago, ‘acreditamos que o Brexit vai trazer oportunidades e queremos consolidar a nossa posição em Londres’.

‘Acreditamos que o software existe para facilitar a vida das pessoas’, no entanto, sublinha Tiago Franco, ‘o processo criativo envolve vários profissionais com papéis, crenças, vivências e egos diferentes. Se juntarmos a isto a falta de objetividade e pragmatismo, temos os ingredientes necessários para a conceção de produtos que são difíceis de perceber e/ou usar. Na ImaginaryCloud todas as decisões são tomadas com base no utilizador. Porque é o utilizador que garante (direta ou indiretamente) o sucesso do negócio. Tudo depende do facto de o utilizador gostar ou não da aplicação’.

Para quem está agora a começar o percurso empreendedor, Tiago avança com ‘duas grandes lições: É tudo muito mais difícil do que parece – é preciso muita perseverança para lidar com a frustração, realinhar expectativas e continuar em frente’; e ‘O que nos leva a um patamar não nos transporta até ao próximo – ou seja, a estratégia que fizermos para angariar os primeiros 10 clientes não vai funcionar para os próximos 100′, por isso é importante não parar de trabalhar.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor coloque o seu nome aqui

nineteen − eleven =