LEAP – Para melhorar a qualidade dos decisores e influenciadores de políticas públicas

Ajudar a melhorar as politicas publicas
Imagem de Jens P. Raak por Pixabay

Estão abertas candidaturas para o LEAP – Policy Development Initiative, um programa de formação para o desenvolvimento de melhores políticas públicas relacionadas com a produção e o consumo sustentáveis.

A iniciativa é financiada pelo Programa Gulbenkian Sustentabilidade e tem por objetivo melhorar a capacidade de vários profissionais para informar as políticas públicas relacionadas com este tema, e promover em Portugal uma discussão alargada sobre políticas públicas com base em evidências.

O LEAP combina uma abordagem pedagógica inovadora com uma orientação para a resolução de problemas. O programa, com a duração de 10 meses, e está dividido em duas etapas: uma fase competitiva e, apenas para as equipas finalistas, uma fase de desenvolvimento do projeto.

Ao longo do programa, os candidatos disporão de formação para desenvolver um conjunto de competências globais para que possam contribuir com qualidade – e apoiados em evidências – na elaboração de políticas públicas. Através do LEAP pretende-se ensinar a criar um leque de documentos instrumentais como policy research proposal, policy study, policy brief e advocacy plan.

Candidaturas abertas até 15 de julho de 2019 às 17h00.

O programa está aberto a candidatos a trabalhar na Administração Pública; organizações da sociedade civil (incluindo think-tanks e organizações empresariais); ou na academia/centros de investigação em Portugal.

Serão valorizadas candidaturas que demonstrem compreensão e experiência profissional atual, de um tema relacionado com a Produção e Consumo Sustentáveis; Capacidade para fazer investigação e interesse em políticas públicas; Experiência profissional de 5-20 anos.

Aleém da Fundação Gulbenkian o LEAP conta com o apoio do International Centre for Policy Advocacy (ICPA), uma ONG independente sedeada em Berlim que se dedica a trazer conhecimento especializado e evidências para os processos de decisão de políticas, promovendo o envolvimento de investigadores, advogados e ativistas de vários setores através da formação, mentoria e disponibilização de recursos práticos.

Também é parceiro desta formação, o IES – Social Business School, a primeira escola empresarial focada na Inovação e no Empreendedorismo Social em Portugal. O seu enfoque é na mudança de paradigma e no empoderamento dos diversos atores, criando ligações entre todos os setores para estimular uma comunidade convergente de fazedores de impacto.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor coloque o seu nome aqui

10 + twenty =