Líderes Investem em IA para Impulsionar Atração e Retenção de Talentos

promovendo a a atração e envolvimento na contratação de colaboradores
Imagem de katemangostar no Freepik

O mais recente Talent Trends Report 2024, desenvolvido pela Randstad, revela uma tendência marcante na adoção de tecnologias de inteligência artificial (IA) para impulsionar a atração e retenção de talentos. Segundo o estudo, cerca de 66% dos líderes de talento aumentaram os investimentos em IA em aproximadamente 14% desde 2023.

O relatório destaca que 97% dos líderes “C-level” reconhecem os benefícios da IA na criação de maior engagement e na contribuição para a atração e retenção de talentos. Apesar de algumas preocupações, como a redução da intervenção humana no local de trabalho e o risco de viés na tecnologia, a maioria dos inquiridos acredita que os benefícios superam os riscos.

Além disso, o estudo revela que o pensamento crítico e a inteligência emocional são altamente valorizados durante o processo de recrutamento, com 82% dos inquiridos a atribuir peso significativo a essas competências. Isso sugere uma mudança em direção a um modelo de força de trabalho baseado em competências, onde as habilidades pessoais e analíticas são mais valorizadas do que a experiência no setor ou diplomas universitários.

Apesar do foco crescente na IA e na atração de talentos, os líderes de talento ainda enfrentam desafios significativos relacionados com a competição por habilidades difíceis de encontrar e a escassez crescente de habilidades especializadas. Este cenário está a impulsionar a maioria das organizações (80%) a migrar para uma abordagem de contratação baseada em habilidades em vez de formação académica.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor coloque o seu nome aqui

seventeen − sixteen =