Meta lança iniciativa de apoio às livrarias portuguesas

Foto de Ahmed ツ em Pexels

Em antecipação do Dia da Livraria e do Livreiro que se assinala a 30 de novembro a Meta anunciou que pretende ajudar as livrarias portuguesas a acelerarem a transição digital e adaptarem a estratégia de negócio ao novo cenário socioeconómico.

De acordo com o estudo ‘Meta Seasonal Holidays Study’, realizado pela YouGov em 18 países, 51% dos consumidores pretende fazer as suas compras de Natal no comércio local e em pequenos negócios. Aproveitando essa intenção dos consumidores, a empresa proprietária do Facebook, Instagram e WhatsApp vai lançar uma iniciativa criada exclusivamente para apoiar as livrarias portuguesas.

O projeto #ApoiamosBoasIdeias inclui um centro de recursos, formação e um guia para ajudar as livrarias portuguesas a adaptarem o seu negócio aos desafios da digitalização. Em Portugal, as livrarias foram particularmente afetadas durante o período de confinamento como consequência da pandemia da Covid-19.

Naquele momento, com as livrarias fechadas, os livreiros recorreram à venda online, criando websites e redes sociais com serviços de pagamentos e entrega, que se mantiveram até hoje. No entanto, a transição digital das livrarias está longe de estar terminada: segundo um estudo da Gfk, divulgado pela APEL, mais de 73% das vendas de livros em Portugal são em lojas físicas, e apenas 14,7% são através de vendas online. 

Segundo o inquérito ‘The 2022 Small Business Research’, desenvolvido pela Ipsos Public Affairs, em 43 países, as redes sociais da Meta são imprescindíveis para chegar a novos públicos. No caso de Portugal, 72% das PME inquiridas a confirmaram que utilizaram os produtos da Meta para alcançar novos públicos. Assim, a empresa desenvolveu um guia para as livrarias locais e independentes seguirem esta tendência das PME portuguesas, e potenciarem a divulgação e a venda nas suas plataformas online.

‘Ferramentas da Meta para as Livrarias’ é um guia, que pode ser acedido de forma totalmente gratuita, é parte integrante da mais recente iniciativa da Meta em Portugal para ajudar as pequenas e médias empresas. Está dividido em três secções – Facebook, Instagram e WhatsApp. 

Além do guia, a iniciativa #ApoiamosBoasIdeias inclui um centro de recursos, cursos de formação focados na digitalização e uma ferramenta gratuita de diagnóstico digital para avaliar a estratégia digital do negócio e disponibilizar um plano de ação personalizado de acordo com as necessidades específicas da empresa avaliada. 

“Acreditamos que este guia vai ser uma ferramenta indispensável para as livrarias portuguesas, e identificámos, entre as múltiplas possibilidades dentro do Facebook, Instagram e WhatsApp, as ferramentas que podem fazer crescer os negócios dos livreiros e alcançar mais pessoas”, afirma Irene Cano, Country Manager da Meta em Portugal e Espanha.

“Acreditamos que as redes sociais são a melhor forma das pessoas se ligarem aos negócios locais, assim como de encontrarem os produtos ideais, especialmente na época natalícia que se aproxima. É por isso que na Meta continuamos a investir em novas formas de apoiar as pequenas e médias empresas”. 

Foto de Filipe Sabino em Pexels

Consumidores querem comprar local

A iniciativa da Meta para o Dia da Livraria e do Livreiro antecipa a época natalícia, um momento de recuperação económica imprescindível para as PME como as livrarias independentes e locais.

Segundo o estudo da YouGov, encomendado pela Meta, as pessoas estão cada vez mais preocupadas em apoiar os negócios locais nas suas compras – no último Natal, 51% dos consumidores da Europa, Médio Oriente e África, fizeram um esforço extra para comprar local e em pequenos negócios. 

Durante a época natalícia, segundo o mesmo estudo, os consumidores estão abertos a descobrir opções de presentes inesperados –  57% dos inquiridos revelaram alegria quando foram surpreendidos por opções que não procuravam. E mais, 90% de todos os consumidores garantem que vão procurar novas marcas durante esta época natalícia. 

De acordo com o estudo da YouGov, a descoberta dos produtos é online, e as redes sociais da Meta são os principais canais para o primeiro contato com os consumidores – 45% dos inquiridos descobriram os presentes para ofertas no Facebook ou Instagram, 36% em motores de pesquisa, e 31% em websites de e-commerce. 

O guia ‘Ferramentas da Meta para as Livrarias’ inclui um segmento dedicado ao WhatsApp porque este é, cada vez mais, um recurso utilizado pelas empresas. O estudo comprova que as pessoas valorizam a comunicação direta com os negócios – 32% utilizaram produtos de mensagens da Meta para contactar lojas; e  21% utilizaram durante o Natal o WhatsApp para esclarecer dúvidas. 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor coloque o seu nome aqui

two + 2 =