PODER – Veneno e Remédio

A editora LIDEL apresenta a sua nova obra ‘PODER – Veneno e Remédio’ escrito por Ana Guinote, Arménio Rego e Miguel Pina e Cunha, reconhecidos especialistas nas temáticas de liderança, relações sociais e gestão.

O Poder é uma palavra incómoda. Pode ter um significado bom ou mau, pode ser uma força com objetivos corruptos ou para alcançar a paz, tudo depende de quem pratica o ‘poder’. Esta é a diferenciação que este livro pretende fazer: o poder só é corrompido consoante o uso que dele se faz.

Na história da humanidade, são inúmeras as personalidades que usaram (ou ainda usam) o poder em prol de um bem maior, como é o caso de Nelson Mandela, Dalai Lama, Martin Luther King ou até mesmo do atual Papa Francisco. Mas, tal como há pessoas que usam a sua posição de renome para prosseguirem missões valorosas, há também muitos exemplos do oposto.

Com este livro, os autores pretendem debater os vícios e virtudes do poder e de quem o detém, e de como este altera inevitavelmente as pessoas, o seu comportamento e forma de estar.

‘O poder não assenta apenas em atributos pessoais. É também, ou sobretudo, um fenómeno relacional. Por conseguinte, manter e desenvolver o poder requer que o poderoso tenha a capacidade para se gerir a si próprio e para gerir as relações com os outros.’
(In Capítulo 5)

‘O poder nem sempre está no palco, sob os holofotes. Se queremos compreender os meandros do poder, devemos prestar atenção redobrada aos bastidores. Uma grande fatia do poder reside, por vezes, nas eminências pardas, nas entidades que, embora desprovidas de poder formal, têm influência real e mexem os cordelinhos.’
(In Capítulo 9)

Uma obra de reflexão que mostra os jogos de poder que hoje existem, mas que são impossíveis de contornar, visto que o poder é um elemento social bastante enraizado e que deriva das relações sociais.

Os autoresnAna Guinote é Professora associada na University College London, fez o seu doutoramento na Universidade de Heidelberg, na Alemanha. A sua investigação centra-se no modo como as relações sociais afetam a motivação, a cognição e a autorregulação. Estudou também a forma como o poder influencia a persecução de objetivos, a atenção e o altruísmo. Foi editora associada das revistas Personality and Social Psychology Bulletin e British Journal of Social Psychology.

Arménio Rego, Professor catedrático convidado na Católica Porto Business School. É autor ou coautor de diversos livros nas áreas da liderança e da gestão de pessoas. Tem realizado formação, coaching e consultoria nas mesmas áreas. Com trabalhos de investigação premiados em Portugal e no estrangeiro, a Associação Portuguesa de Gestão das Pessoas (APG) considerou-o, em 2014, uma das 25 pessoas mais influentes da gestão de recursos humanos em Portugal.

Miguel Pina e Cunha, Professor catedrático na Nova School of Business and Economics e Presidente do Conselho Científico desde 2012. Investiga os processos de liderança e de mudança organizacional, tendo publicado mais de 150 artigos sobre o tema em revistas da especialidade, como a Academy of Management Review. Colaborou também com diversas escolas internacionais, incluindo LUISS Guido Carli (Roma), Mediterranean School of Business (Tunes) e Universidad de los Andes (Bogotá).

COMPARTILHAR
Artigo anteriorUniversidade Europeia lança Master in Management
Próximo artigoA grande mentira de estar ocupado
Avatar
O Empreendedor é um projecto de empreendedorismo colaborativo que pretende desenvolver e testar novas formas de cooperação entre indivíduos e organizações ligadas ao empreendedorismo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor coloque o seu nome aqui

2 × 5 =