SIBS lança aceleradora para startups de serviços financeiros

O ‘SIBS PayForward’, é o primeiro projeto acelerador da SIBS, a empresa que gere em Portugal os pagamentos por cartão eletrónico. Este programa de aceleração tem a duração de 8 semanas e destina-se às startups com projetos tecnológicos relacionados com pagamentos eletrónicos. O programa, a ser desenvolvido com a Beta-i arranca a 7 de novembro, com o período de inscrições a prologar-se até 31 de janeiro de 2017. A fase de seleção terá depois lugar até 24 de fevereiro e os 2 meses de aceleração irão decorrer entre o início de abril e junho de 2017.

‘Há 30 anos, a SIBS foi fundada como uma startup, tendo conseguido impor-se como uma das empresas mais inovadoras no sector das FinTech. Chegou a altura de contribuir e catalisar alguma dessa inovação para o ecossistema, uma espécie de ‘pay it forward‘, ao criar esta oportunidade para mais startups poderem ajudar a inovar no contexto das soluções de pagamento ou outras soluções financeiras suportadas em tecnologias de informação’, explica Madalena Cascais Tomé, Presidente Executiva da SIBS.

‘A SIBS tem a experiência, o know-how e a infraestrutura técnica necessárias para apoiar estas startups. A reputação e credibilidade da SIBS, e da sua equipa no ramo dos pagamentos e da tecnologia, onde é um dos principais atores, tornam a SIBS um player incontornável neste universo. Por isso queremos ir mais além, incorporando o melhor da ‘nova’ inovação e do potencial que pode representar uma vez associada com a nossa oferta’ acrescenta a responsável.

Também Pedro Rocha Vieira, CEO e co-fundador da Beta-i, considera que a das FinTech tem ‘enorme potencial para ser acelerada’, sublinhado que ‘a indústria dos pagamentos é uma área com um enorme dinamismo e inovação’ onde se tem registado ‘um forte investimento, cerca de $3,7 mil milhões em 2016, um crescimento de mais de 60% face ao ano anterior’.

Mais do que um ‘payments provider‘, a SIBS quer posicionar-se como um mediador de novas soluções em torno dos pagamentos. Com este programa a empresa pretende servir de ponto de encontro para as startups mais inovadoras desenvolverem novas soluções de pagamentos, em conjunto com uma empresa líder de mercado.

‘As sinergias entre a Beta-i e a SIBS para a criação deste acelerador ficaram desde logo evidentes, e é por isso que temos a confiança de ter criado um projeto distintivo, com potencial de transformação da indústria onde se insere. Ao mesmo tempo, também reforça o seu compromisso em identificar potencial nas startups, afirmando o papel desta empresa enquanto apoiante do ecossistema’, acrescenta o fundador da Beta-i.

As equipas escolhidas vão participar em workshops e sessões de mentoring disponibilizadas através da rede Beta-i, que conta com uma plataforma de mais de 200 mentores e mais de 500 startups, para ajudar a desenvolver o modelo de negócios e ajustar os produtos ao mercado.

COMPARTILHAR
Artigo anteriorAptoide premeia as melhores aplicações Android de Portugal
Próximo artigoO Milagre de Lisboa
Avatar
O Empreendedor é um projecto de empreendedorismo colaborativo que pretende desenvolver e testar novas formas de cooperação entre indivíduos e organizações ligadas ao empreendedorismo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor coloque o seu nome aqui

nine + two =