Ana Cristina Rosa: “Empreender é um mar de rosas com espinhos”

Na foto: Ana Cristina Rosa., autora de "Empreender sem desculpas".

Ana Cristina Rosa decidiu mudar de vida em 2011. Depois de um início de carreira na área do jornalismo, descobriu o coaching e arriscou criar o seu próprio negócio para ajudar outros empreendedores a encontrarem o seu foco e fazerem a transição para o mundo do empreendedorismo.

Porém, o caminho do empreendedorismo não foi fácil e, é dessa aprendizagem de avanços e recuos, que Ana Cristina Rosa decidiu escrever um livro que é um relato na primeira pessoa de quem viveu os desafios do empreendedorismo. “Empreender sem desculpas” é também um convite à reflexão para quem quer iniciar-se no mundo do empreendedorismo.

“O que partilhei ao longo destas páginas é o que gostava de ter sabido logo no meu primeiro ano como empreendedora, porque tinha-me poupado muito tempo e muitas cabeçadas”, explica Ana Cristina Rosa.

“Empreender é, sem dúvida, uma jornada desafiante. Um mar de rosas com espinhos, como lhe chamo quando me perguntam como é a caminhada empreendedora. Se, por um lado, é extremamente gratificante podermos criar de raiz um projeto alinhado com as nossas paixões, por outro devemos ter a consciência que o caminho vai ter altos e baixos”, explica Ana Cristina Rosa.

“Quero partilhar aprendizagens com quem deseja transformar sonhos em realidade”

Ana Cristina Rosa

O livro representa o culminar de mais de dez anos de experiência no empreendedorismo, e mostra os diferentes perfis existentes a ter em conta ou a ser evitados pelos empreendedores. Algo que Ana Cristina Rosa gostaria de ter sabido antes de se iniciar no mundo dos negócio.

“O que mais desejei quando iniciei era ter alguém a dizer-me que tudo isto era normal e que fazia parte do processo de empreender. E esta foi, sem dúvida, uma das principais razões que me levou a escrever este livro, passar a mensagem de que é possível começar do zero e construir um negócio de sucesso alinhado com o que nos apaixona. Acredito que nos conectamos através de histórias e a minha, contada neste livro, tem como propósito mostrar que é, sim, possível fazer acontecer, mesmo quando tudo nos parece querer provar o contrário.”

De certa forma, foi essa experiência de vida que a levou a partilhar essas preocupações e erros da jornada para ajudar outros empreendedores a evitar tropeçar no caminho, ou a aprender que tropeçar também faz parte do percurso.

“Mais de uma década depois de ter dado um salto de fé e iniciar o meu negócio reconheço, hoje, praticamente todos os desafios internos e externos que acompanham a jornada de quem quer criar um negócio próprio”, sublinha.

“Passei por diferentes fases, desde a busca pela ideia de negócio que mais me apaixonava; os primeiros tempos (mais de 1 ano) em que gastava mais do que ganhava no meu negócio, e quando deixei de ter tempo para a minha família porque vivia somente para o meu projeto”, recorda Ana Cristina Rosa. “Todas estas diferentes fases fizeram-me perceber a importância de criar um negócio que preencha três áreas fundamentais: a paixão pelo que fazemos, o tempo para desfrutarmos com as pessoas mais importantes para nós e o dinheiro para podermos viver uma vida de liberdade em todos os sentidos.”

“Estas aprendizagens – que fiz sentindo na pele tudo isto – fizeram com que, hoje, o trabalho de mentoria que faço com empreendedores incida na criação de negócios de sucesso que respeitem a sinergia entre estas três áreas da nossa vida. O meu livro retrata todos estes desafios ilustrados com vários episódios da minha própria história”, acrescenta.

Foto de Empreendedor.com

De empreendedora a escritora: o mesmo desafio

“Ser empreendedor é, na minha definição, ter a iniciativa de começar novas coisas, de inovar constantemente. É ser criativo, apaixonado, persistente, assumir riscos e fazer diferente. Ser escritor é também tudo isto”, diz Ana Cristina Rosa.

“De todos os desafios que ultrapassei, até hoje, escrever um livro foi um dos que mais me tirou da minha zona de conforto. Lidar com o excesso de perfecionismo de que ainda não estava pronto, ter o foco e a organização necessárias para escrever diariamente, ter a coragem de expor episódios da minha vida muito íntimos e nunca antes partilhados. Sem dúvida, escrever um livro é um grande ato de coragem, assim como empreender.”

No livro, Ana Cristina Rosa relata desafios e sucessos que fizeram parte da sua jornada. A partir de dez diferentes perfis comportamentais que refletem a realidade de muitos empreendedores e, de certo modo, também a sua.

“Escrever um livro foi um dos desafios que mais me tirou da minha zona de conforto”

Ana Cristina Rosa

“Por exemplo, quando iniciei, era o que chamo de “empreendedora solitária”, pois parecia falar uma “língua” que ninguém à minha volta entendia. Depois, transformei-me numa empreendedora “ao sabor do vento”, todos os dias tinha novas e maravilhosas ideias, mas não conseguia implementar nem metade. Fui também o que apelidei de empreendedora “apaga fogos”, pois tentava fazer tudo sozinha e tinha uma dificuldade imensa em delegar. E aquele perfil que me acompanhou demasiado tempo, a “empreendedora pobre”, que chegava ao final do mês sempre com saldo negativo na conta.”

“Estes são alguns dos desafios que relato no livro apresentados como perfis de empreendedor. Para cada um desses dez perfis é apresentada uma solução de comportamento de sucesso. Por exemplo, o “empreendedor influente” que vem tirar o lugar ao “empreendedor solitário”, ao começar a trazer para junto de si as pessoas certas. Ou o “empreendedor líder” que começa a criar uma equipa poderosa que o ajuda a crescer, não esquecendo o “empreendedor rico” que começa finalmente a ver os frutos de todo o seu trabalho”, explica.

“Ao reconhecer-se nestes perfis, quem lê o livro vai poder escolher conscientemente quais os comportamentos de sucesso que deve adotar, para alcançar resultados, e quais os que deve evitar”, diz Ana Cristina Rosa.

“A minha missão com este livro é transformar os desafios que ultrapassei em valiosas e inspiradoras aprendizagens para quem deseja transformar sonhos em realidade, sem desculpas para fazer acontecer.”

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor coloque o seu nome aqui

four × four =