Expo Fish premeia inovação no setor alimentar do mar

Foto de Explo Fish/Docapesca

A Expo Fish Portugal atribuiu os prémios de Inovação para projetos de investigação ligados ao setor alimentar da fileira do mar. O evento organizado pela Docapesca decorreu nos dias 15 e 16 de novembro e contou com a presença de 85 importadores, oriundos de 37 mercados internacionais, e com a realização de 240 reuniões B2B. Foi também a primeira feira internacional do setor do mar com uma componente totalmente virtual.

Os vencedores dos Prémios Inovação Expo Fish Portugal 2022, foram a “OtimO”, da equipa Vertice Cristalino, com uma solução centrada no desenvolvimento e validação de um modelo inovador de produção de ouriço-do-mar a partir do melhoramento das metodologias e procedimentos.

Outro premiado foi o “Mackburger”, desenvolvido por cientistas do IPMA, que visa o desenvolvimento de um alimento funcional, à base de recursos marinhos subutilizados, para a prevenção da doença de Alzheimer e do declínio cognitivo associado a idades avançadas.

Também a “Aquacultura Celular”, da Cell4Food, que pretende potencia a produção de peixe e crustáceos utilizando as tecnologias da cultura celular de alimentos; e “MBP BioTech”, do Centro de Biotecnologia e Química Fina da Universidade Católica Portuguesa, que pretende transformar resíduos marinhos ou espécies marinhas subvalorizadas em ingredientes multifuncionais com elevado potencial de comercialização.

Os prémios foram atribuídos pela Ministra da Agricultura e da Alimentação, Maria do Céu Antunes, que salientou os investimentos feitos pelo Governo sublinhando que o setor vai poder contar com um reforço no pacote financeiro “Mar 2030”, correspondendo a uma despesa pública de 540 milhões de euros.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor coloque o seu nome aqui

two × 4 =