Inteligência Artificial: Conectividade e Desafios em Destaque no Novo Relatório da Salesforce

Foto de Freepik

A Salesforce, gigante no universo do Customer Relationship Management (CRM) e Inteligência Artificial (IA), divulgou recentemente os resultados do Connectivity Benchmark Report da Mulesoft, proporcionando uma visão detalhada sobre as expectativas e desafios que os líderes de TI enfrentam no panorama da IA. O destaque vai para a previsão animadora de 85% dos líderes de TI que antecipam um aumento significativo na produtividade dos programadores nos próximos três anos, segundo o estudo anual.

O relatório, baseado num extenso inquérito a 1.050 CIOs e líderes de TI em várias regiões, procura compreender os desafios futuros e a aplicação de integração, automação e APIs na construção de estratégias de IA bem-sucedidas. Embora a perspetiva de maior produtividade seja encorajadora, o estudo destaca que 62% dos inquiridos acreditam que as suas empresas não estão preparadas para a harmonização de sistemas de dados, uma barreira significativa na otimização do potencial da IA.

O relatório revela que, no atual cenário digital, 98% das empresas de TI enfrentam desafios na sua transformação digital. Silos de dados (80%) e interdependência de sistemas (72%) são apontados como as principais preocupações. “A força da IA está dependente da forma como as empresas conectam os seus dados, e das informações que conseguem retirar desses mesmos dados”, destaca Param Kahlon, Executive Vice-President e General Manager de Automação e Integração da Salesforce.

Foto de rawpixel.com no Freepik

Desafios e Oportunidades

Os resultados também evidenciam que apenas 28% das aplicações estão conectadas, e mais de 90% dos líderes de TI indicam que questões de integração estão a impedir a adoção da IA. A segurança e confiança na utilização ética da IA são ainda barreiras, com 64% dos líderes de TI a expressarem preocupações nesse domínio.

No que diz respeito à quebra de silos de dados, 81% dos inquiridos consideram-no um entrave aos esforços de transformação digital. A necessidade crescente de integração para unificar dados estruturados e desestruturados é evidente, visando potenciar a IA em todas as funções de negócio.

Olhando para o futuro, os líderes de TI esperam um aumento de 69% na utilização de Modelos de Linguagem de Máquina (LLMs) nos próximos três anos. Embora a adoção da IA prometa eficiência e produtividade, está dependente da integração de dados, sendo que apenas 22% dos líderes de TI referem ter estratégias para ajudar utilizadores não-técnicos na integração de apps e fontes de dados via APIs.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor coloque o seu nome aqui

twenty − 13 =