Jscrambler capta investimento de 13 milhões de euros

Foto de Jscrambler

A Jscrambler, empresa tecnológica especializada em produtos de cibersegurança para aplicações web e móveis, levantou uma ronda de financiamento de 13 milhões de euros, liderada pela Ace Capital Partners, com a participação de investidores como a Portugal Ventures e a Sonae IM. O capital angariado será aplicado no reforço dos recursos de marketing e vendas nos mercados americano e europeu, bem como para fortalecer e acelerar o desenvolvimento do produto.

A empresa procura agora dar continuidade a um forte investimento em I&D realizado na última década e impulsionar o desenvolvimento de uma solução integrada que possa proteger os sites e os dados dos utilizadores, mitigar a fraude e o acesso não autorizado a contas de utilizadores.

Os atuais mecanismos de defesa nativos dos browsers e as abordagens tradicionais de segurança têm falhado na resolução destas fraquezas da cadeia de distribuição da web, o que permite que os atacantes se infiltrem através do browser ou do dispositivo do utilizador final. Assegurar a proteção destas falhas é o principal objetivo da ferramenta de segurança da Jscrambler.

“Estamos num ponto de viragem crítico para a cibersegurança. Este ano, uma série de ataques a cadeias de distribuição de software permitiram que os atacantes infiltrassem aplicações críticas de organizações privadas e públicas, o que resultou em consequências devastadoras”, afirma Rui Ribeiro, cofundador e CEO da Jscrambler.

O momento é também assinalado pela entrada de Pedro Abreu como membro independente do conselho de administração. Pedro Abreu é atualmente Chief Operating Officer da Exabeam e conta com mais de 20 anos de experiência operacional e comercial na indústria de cibersegurança, adquirida em empresas como a McAfee e a Forescout.

“Este investimento e a entrada do Pedro Abreu para o conselho de administração é exatamente o que precisávamos para impulsionar a nossa expansão e reforçar a nossa posição na vanguarda da segurança de aplicações”, destaca Rui Ribeiro.

Segundo a Jscrambler, ao longo dos últimos anos, os ataques às cadeias de distribuição de software têm vindo a crescer de forma constante, atingindo recordes em 2021. Os atacantes têm vindo a migrar estes ataques para a web, explorando a dependência das empresas em código desenvolvido por terceiros. Isto tem levado a realização de ataques massivos que roubam dados confidenciais dos utilizadores em milhões de websites.

Com uma base sólida nos mercados americano e europeu, a Jscrambler procura acelerar o seu crescimento nestas geografias estratégicas onde a procura está a aumentar rapidamente.

“Acreditamos fortemente que este novo investimento da Ace Capital Partners irá fomentar este crescimento,” adianta Augustin Blanchard, diretor executivo da Ace Capital Partners. “Esta ronda dará à Jscrambler os recursos de que precisa para acelerar a sua internacionalização e consolidar-se como solução líder para proteção de aplicações”, acrescenta Rui Ferreira, vice-presidente da Portugal Ventures.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor coloque o seu nome aqui

17 − 15 =