Pixels Camp acampa no centro de Lisboa

O Pixels Camp, um dos maiores eventos de tecnologia na Europa, regressa esta semana a Lisboa com uma maratona de três dias de programação, workshops e conferencias, reunindo os profissionais mais inovadores e entusiastas da comunidade tecnológica que durante o evento vão acampar no centro de Lisboa.

Pixels Camp, um dos maiores eventos de tecnologia da Europa, regressa a Lisboa de 28 a 30 de Setembro. Este ano o evento decorre no Pavilhão Carlos Lopes, no Parque Eduardo VII, numa edição que promete acrescentar nova dimensão em relação ao ano passado, nomeadamente a possibilidade de acampar no parque central de Lisboa.

Promovido pela Bright Pixel e pela Beta-i, o Pixels Camp tudo gira em torno do mote ‘To the Moon’. Ao longo dos 3 dias “non-stop” de conferências e workshops sobre tecnologias emergentes o evento inclui ainda uma maratona de programação que promete dar “altitude” às ideias e estimular a criatividade dos mais talentosos programadores da comunidade digital.

De acordo com Celso Martinho, CEO da Bright Pixel, “Lisboa receberá um dos maiores eventos tecnológicos da Europa, com cerca de 1.200 programadores, ao longo de 3 dias de conferências, que promete estimular a criatividade de centenas de hackers durante 48 horas. Este ano vamos ter um acampamento no parque e vai ser literalmente possível acampar, fazendo jus ao nome. De facto, apostamos num evento ainda maior, com mais espaço, mais parceiros, mais developers, e maior ambição internacional”.

“Os participantes do Pixels Camp vão ser desafiados a concretizar, em contrarrelógio, projetos para solucionar problemas atuais ou que facilitem o dia-a-dia das pessoas. É uma iniciativa original, que promove a ligação entre developers e outros parceiros e players, e que visa estimular a inovação e a criação de novos modelos de negócio”, acrescenta aquele responsável pela organização do evento.

O Pixels Camp é também uma oportunidade para conhecer alguns dos rostos mais inovadores e entusiastas da comunidade tecnológica, com uma agenda que inclui mais de 100 talks feitas pelos mais influentes profissionais do setor e mesmo do público, com os participantes a poderem inscrever-se para subir ao palco e apresentar os seus projetos ou opiniões.

A somar a tudo isto, há ainda a oportunidade de alguns participantes do concurso entrarem num programa de aceleração pós-Pixels e levarem, assim, os seus projetos para o próximo nível.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor coloque o seu nome aqui

one × 3 =