Posicionar-se num nicho é mesmo importante?

Imagem de Peter Olexa por Pixabay

Ao escolher um nicho, “limita” o número de pessoas que se interessam pelo seu negócio, loja ou blog. Sendo assim, será realmente vantajoso? Será que posicionar-se num tema genérico é melhor do que num nicho?

Há lugar para ambos os casos no online, mas se for começar agora, pondere a possibilidade de atuar num nicho específico – e vai entender a razão.

Porque deve posicionar-se num nicho específico?

Afinal, porque haveria de vender apenas produtos de beleza para mulheres, quando pode vender produtos de beleza para todos os géneros? Uma das principais razões é: diferenciar-se no seu mercado.

Dando um exemplo simples, imagine que nesta Páscoa queria ter comprado um terço. Tinha duas hipóteses: ou comprava numa loja genérica ou comparava numa loja especializada em artigos religiosos.

Algumas empresas posicionam-se corretamente, levando a que se destaquem no seu nicho de mercado e se tornem referência no setor. Neste caso, por exemplo, podia ter escolhido a empresa de produtos religiosos Holyart, uma empresa líder no seu mercado de atuação e que se destaca pelos seus produtos feitos com materiais naturais e com técnicas artesanais.

Posto isto queremos mostrar-lhe que a marca que escolher atuar num nicho específico, além de se diferenciar de outras no setor, também se pode tornar uma autoridade no mercado, terá menos concorrência direta e o seu público irá envolver-se com maior facilidade e engagement.

Ter um nicho também irá permitir que as ações de marketing sejam mais direcionadas e, claro, isso irá gerar melhores resultados com um menor investimento.

De uma forma geral, o potencial de crescimento é maior, portanto, um excelente investimento caso pretenda iniciar o seu negócio hoje.

Como escolher o seu nicho?

Caso tenha dificuldade em escolher um nicho onde atuar, descubra com quem quer trabalhar. Quando souber qual é o seu público, identifique quais os problemas que enfrentam e encontre as soluções para os solucionar.

Assim que escolher um nicho, estude o mercado. O problema que vê é um problema para o seu público-alvo? Existem pessoas dispostas a pagar pela solução que poderá apresentar? Se sim, encontrou o nicho certo.

Imagem de Gerd Altmann por Pixabay

Como posicionar-se no mercado online?

Saiba quais os valores do seu negócio pois esses, além de serem essenciais para o posicionamento, irão direcionar todos os seus esforços e serão excelentes aliados quando tiver dificuldade em tomar uma decisão importante.

Os valores de um negócio são também a razão pela qual uma pessoa se identifica, ou não, com a marca. Pode encontrar alguns exemplos de posicionamento de marcas neste blog de marketing digital.

Essenciais para o seu posicionamento no online

  • Blog: um blog num website irá servir diversos propósitos; este é uma parte importante da estratégia de SEO, irá manter o seu website atualizado e ainda será uma forma das pessoas entenderem os valores da sua marca. Na Holyart, por exemplo, encontra conteúdos sobre religião, natal e outras ocasiões especiais.
  • E-mail marketing: este é um contacto direto, em que a marca conseguirá transmitir os seus valores com maior facilidade e as pessoas irão facilmente identificar-se.
  • Presença nas redes sociais: nem sempre precisa de estar nas redes sociais, mas a realidade é que numa fase inicial a sua presença pode fazer diferença. Escolha apenas algumas redes sociais com as quais se sinta confortável e publique com frequência; a empresa de artigos religiosos mencionada optou por três redes sociais, apostando no Instagram onde tem uma presença mais ativa e as publicações feitas com maior frequência. No entanto, cuidado para não perder a autenticidade da sua marca. Estar offline de tempos em tempos pode trazer-lhe igualmente bons resultados.
  • SEO: as técnicas de SEO são excelentes para posicionar-se como autoridade no seu mercado. Com uma estratégia bem implementada, conseguirá excelentes resultados.
  • Website: ter um website é como ter uma casa para a sua marca. Este é o local onde deve reunir todas as informações relevantes sobre a sua marca e o seu negócio.

No entanto, lembre-se que a tua marca é única. Experimente o que fizer sentido de acordo com os seus valores.

Deve começar o seu projeto ou negócio online durante a pandemia?

A quarentena levou os portugueses a fazer mais compras online, a consumirem mais conteúdo e a trabalharem a partir de casa; os portugueses tiveram que se adaptar.

Espera-se assim, que a adaptação esta nova realidade tenha sido o gatilho para que Portugal se volte mais para o investimento no online. Portanto sim, comece com o seu blog, loja online ou trabalho remoto mesmo durante a pandemia.

Afinal, quem sabe se não é este o momento certo para si.

Ter um nicho irá diferenciar-te de muitos, mas lembre-se, não existem atalhos no mundo dos negócios; terá de manter o foco e trabalhar arduamente.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor coloque o seu nome aqui

four × one =