Valerie Konde ‘Empreendedora Residente’ na Startup Lisboa

Valerie Konde
Foto: Valerie Konde

Valerie Konde é a nova Entrepreneur In Residence da Startup Lisboa. Konde substitui o holandês David Zwagemaker, que era o Empreendedor Residente na Startup Lisboa, desde setembro de 2018.

Empreendedor Residente, ou Entrepreneur In Residence (EIR) é uma função relativamente recente nas aceleradoras e sociedades de capital de risco. Tradicionalmente um EIR é contratado para auxiliar no desenvolvimento do portfólio da empresa, aproveitando o seu conhecimento, experiência e rede de contatos empresariais.  

A função de Entrepreneur In Residence foi estreada na Startup Lisboa por Hugo Augusto, cofundador da Mychild, uma startup da área da educação, em março de 2018. Em setembro do mesmo ano, a função passou para David Zwagemaker, fundador de uma plataforma de marketplace para pintores, na Alemanha.

“Estas pessoas trazem sempre um enorme valor e experiências muito úteis para as nossas startups incubadas”, sublinha Miguel Fontes, Diretor Executivo da Startup Lisboa. Miguel Fontes frisa que a mudança não representa uma alteração na estratégia, “é fundamental dar continuidade à função de Entrepreneur in Residence na Startup Lisboa”.

Valerie Konde, a primeira mulher e terceira Entrepreneur in Residence da Startup Lisboa vai “apoiar as nossas empresas incubadas no desenvolvimento e crescimento dos seus negócios, aportando a sua experiência e insights, não só enquanto founder, mas também como especialista nas áreas de marketing digital e desenvolvimento de novos produtos e negócios”, afirma Miguel Fontes.

MUDANÇA PARA LISBOA

Valerie Konde não esconde expectativas sobre a sua estadia em Lisboa: “o cenário das startups ainda está a crescer aqui e tem tido muito dinamismo e atenção. As estruturas e o suporte estão no ponto para prosperarem, há empreendedores portugueses e internacionais a criarem negócios de classe mundial, e o ecossistema dos Venture Capital está a crescer rapidamente. Estou muito feliz por fazer parte do ecossistema de Lisboa nesta fase e espero ver o mesmo nível de investimento que vejo em Londres, Paris ou Berlim.”

Com 35 anos, Valerie Kondo passou por empresas como a Google ou a Societé Generale antes de fundar a sua empresa, a Collectionair, um marketplace de arte contemporânea para colecionadores. Vai apoiar as startups da incubadora como founder e especialista em marketing e desenvolvimento de produtos.

Com um Mestrado em Finanças Internacionais pela Neoma Business School, em França, e com um MBA do INSEAD, Valerie passou por gigantes como a Google, a Rocket Internet e pela Societé Générale. No final de 2014, deixou o seu trabalho na Google para seguir a sua paixão, levando a arte emergente aos ecrãs de colecionadores por todo o mundo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor coloque o seu nome aqui

4 × 4 =