Women Entrepreneurship Award tem €3.000 para mulheres empreendedoras

Foto de Mario Lopes Pereira

Já estão abertas as candidaturas para a terceira edição do Women Entrepreneurship Award (WEA) do CTIE – Center for Technological Innovation & Entrepreneurship, o centro de empreendedorismo da Católica-Lisbon School of Business & Economics. Para além do acesso ao Programa Avançado em Empreendedorismo e Gestão da Inovação e mentoria, a melhor empreendedora portuguesa deste ano também vai receber um prémio monetário no valor de 3.000 euros. As candidaturas terminam no dia 15 de abril.

Depois de Joana Rafael, cofundadora da Sensei, e de Marta Palmeiro, cofundadora da StudentFinance, vencedoras da primeira e da segunda edição do Woman Entrepreneurship Award, o CTIE continua, este ano, a estimular o empreendedorismo no feminino.

Celine Abecassis-Moedas, diretora académica do CTIE, sublinha a “vontade de premiar o talento e o excelente trabalho que as mulheres fazem no campo do empreendedorismo, uma oportunidade para a comunidade em geral refletir sobre o tema da igualdade de género no tecido económico.”

As candidaturas são feitas online, no site da Católica, e para concorrer ao prémio, podem participar empreendedoras portuguesas ou estrangeiras, com um projeto em atividade em Portugal, que ocupem um cargo de liderança na organização que representam (fundadora, diretora, diretora executiva ou CEO) e que detenham uma parte significativa do negócio, com provas já dadas no mercado.

O júri do concurso vai avaliar o grau de inovação do conceito, sustentabilidade financeira e modelo de negócio, bem como o impacto social e na comunidade empreendedora. O prémio será entregue numa cerimónia a acontecer a meados de junho, com a presença das três finalistas, onde será anunciada a “melhor empreendedora portuguesa do ano”.

Criado em 2019 pelo CTIE, o Women Entrepreneurship Award (WEA) tem registado um aumento de mais de 50% anual no número de candidaturas. “Para além de haver cada vez mais mulheres empreendedoras, e com capacidade para arriscar, o trabalho que tem vindo a ser feito por diversos players do ecossistema em fomentar este segmento também contribui para a maior adesão ao prémio”, esclarece a professora Céline.

Entre as atividades relacionadas com da edição deste ano, o CTIE promove, em parceria com o Made of Lisboa, Portuguese Women in Tech e Startup Lisboa, um workshop online sobre “Negotiation skills for female entrepreneurs”.

No painel de oradores estarão Margarida Figueiredo, diretora municipal de Economia e Inovação da Câmara Municipal de Lisboa e responsável pela plataforma Made of Lisboa, e João Matos, professor da Universidade Católica.

A iniciativa – que decorre no próximo dia 18 de fevereiro às 17h00 – conta ainda com a participação de Cristina Raposo (Onalytics), Joana Antunes (OutSystems) e Manuela Doutel-Haghighi (Leidos) num painel moderado por Maria Guimarães, Head of Operations da Startup Lisboa.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor coloque o seu nome aqui

seven + two =