Global Woman Club Portugal – “para inspirar e conectar mulheres em todo o mundo”

Vera Diana Gonçalves
Foto: Global Woman Club

Global Woman Club arranca em Portugal. O clube é uma comunidade de negócios e networking internacional, exclusiva para mulheres que tem como objetivo oferecer às empreendedoras a oportunidade de socializar, interagir, trocar ideias, receber orientação, mas também ajudar outras pessoas ao partilhar os seus serviços, negócios e experiências de vida.

Dirigido em Portugal por Vera Diana Gonçalves o Global Woman Club tem sede em Albufeira, no Algarve, mas com ambição de crescer em todo o país. Presente de momento em 30 países, Global Woman Club tem o mesmo modelo em todo o mundo: 1 vez por mês o clube organiza um evento  que incluí pequeno-almoço, apresentação do clube, partilha de conhecimento e oportunidades de negócio e claro, networking.

O conceito começou em Londres com uma revista, Global Woman, criada por Mirela Sula, com o objetivo de partilhar histórias inspiradoras no feminino. A revista cresceu e deu origem a alguns encontros entre estas mulheres que partilhavam as suas histórias, formando assim o primeiro Global Woman Club.

“A nossa sociedade ainda tem muitas restrições em relação às mulheres”

Vera Diana Gonçalves, a diretora regional da Global Woman Club em Portugal, participou pela primeira vez num evento Global Woman em Julho, por recomendação de uma amiga. Formada em Negócios Internacionais e a iniciar uma carreira no mundo do coaching, Vera contou ao Empreendedor que “procurava o caminho certo para inspirar e empoderar as mulheres portuguesas”. Ela viajou para Londres, sem saber o que esperar daquele Summit, mas com a mente e o coração abertos, na esperança de trazer novos conhecimentos e esperança às mulheres portuguesas.

“Eu trabalhava no departamento comercial de uma empresa portuguesa bem estabelecida, mas não estava satisfeita, queria mais, algo mais desafiante e enriquecedor e muito sinceramente via muito poucas possibilidades de crescimento nesta empresa” recorda Vera Diana Gonçalves. “Acabei por me despedir, sem um plano concreto, mas com a certeza de que queria começar um negócio meu. Uma amiga falou-me então de um evento que ia acontecer em Londres, dedicado a mulheres empreendedoras em várias áreas, ela achava que nesse evento eu poderia conhecer mulheres que me inspirem e ajudem a encontrar o meu caminho. E ela estava certa!”

O evento era o Global Woman Summit 2019, e foi o primeiro contacto de Vera Gonçalves com o Global Woman Club. “Foram 2 dias de aprendizagem, onde conheci a Mirela Sula (fundadora) e outras diretoras do Global Woman e foi muito revelador para mim, não só como nova empreendedora mas enquanto pessoa! Descobri que não só queria empreender mas também inspirar outras mulheres a lutar pelos seus sonhos e objetivos, utilizando o empreendedorismo como ferramenta”, sublinha. 

Depois de propor a Mirela a abertura de um clube em Portugal, Vera viajou com a equipa Global Woman para a Albânia e para o Kosovo onde participou de conferências e inauguração de clubes nestes dois países e assim se preparou para reproduzir este conceito para as mulheres em Portugal.

Um clube para partilhar conhecimento e esperança

 “Eu vivi cerca de 10 anos fora de Portugal. Vivi em 4 países e conheci outros 15 nesses 10 anos e a realidade é que quando regressei senti que a nossa sociedade ainda tem muitas restrições em relação à figura de uma mulher poderosa” diz Vera Gonçalves.

“É verdade que há mulheres portuguesas em cargos elevados, e cada vez mais na área da política, mas é uma luta constante e desgastante numa sociedade criada de homens para homens e onde o lugar da mulher não está  bem definido. E não culpo nenhum homem por isso, na verdade é a mulher que pode (e deve) fazer mais. Mostrar-se mais, investir mais em si mesma. Empreender e não ter medo de assumir o seu poder.”

Vera acredita que as mulheres em todo o mundo merecem uma voz com maior destaque e concorda totalmente com Mirela Sula ao dizer: “Se queres empoderar uma mulher, dá-lhe um microfone!”

O clube tem três pilares principais e todos assentam na comunicação: Networking, Business e Public Speaking. “Damos grande importância a temas de mentalidade, desenvolvimento pessoal e social porque acreditamos que são bases fundamentais para o sucesso de uma mulher de negócios. Promovemos o networking livre e incentivamos o public speaking porque acreditamos no poder da comunicação” frisa Vera Gonçalves.

Vera acredita que tem força e coragem para inspirar e motivar as mulheres portuguesas e, juntamente com o Global Woman Club conectar essas mulheres globalmente. “As mulheres empreendedoras que fazem parte do nosso clube têm a oportunidade de fazer um pitch de vendas, apresentar o seu negócio ou partilhar a sua história, em qualquer um dos nossos palcos, já  que ao ser membro de um dos nossos clubes é membro a nível global nos mais de 30 clubes espalhados pelo mundo.”

“É a combinação de todos esses ingredientes mágicos que espalham uma sensação brilhante de empoderamento e felicidade. Unidas, somos mais fortes e prontas para enfrentar quaisquer desafios que possamos enfrentar.”

“É uma luta constante e desgastante numa sociedade criada de homens”

Vera Diana Gonçalves não tem ilusões, o empreendedorismo é mais difícil para as mulheres. “Sim, em certas culturas e certos países, a mulher de negócios e a mulher independente não é nem vista e é muito difícil para uma mulher enfrentar o mundo e alcançar os seus objetivos. Por outro lado, as mulheres  têm – normalmente – uma inteligência emocional mais desenvolvida que lhes permite chegar mais longe com menos recursos. Isso é um “gamechanger” importantíssimo na hora de fazer negócios com uma mulher”, sublinha.

Foto de Marco Nazaré Photography

Depois de formalmente apresentado em novembro, em Lisboa, o clube português vai passar a reunir-se mensalmente, a partir de fevereiro, no restaurante El Jefe em Albufeira. “Existem várias opções de networking feminino e misto em Lisboa, mas muito poucas no Algarve, principalmente quando nos focamos num público tão específico”, frisa Vera Gonçalves.

Para além das reuniões mensais em cada clube, Global Woman Club organiza conferências e workshops de negócios em todo o mundo, incluindo o Global Woman Summit, um evento anual de grande escala, em Londres, dedicado a todas as mulheres empreendedoras, profissionais ou a procura de crescimento pessoal e profissional. Uma das particularidades deste evento é o facto de que quem sobe ao palco são os membros do clube. “Acreditamos que cada mulher tem habilidades distintas e uma história real para partilhar. Isto gera uma energia única, um espírito de partilha, compreensão e crescimento.”

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor coloque o seu nome aqui

twenty + thirteen =