RISE for Impact apresenta finalistas

Foto de Casa do Impacto

Já são conhecidos os três finalistas do programa RISE for Impact, promovido pela Santa Casa da Misericórdia de Lisboa. Em jogo está um prémio de 5 mil euros para negócios de impacto.

A segunda edição do RISE for Impact, programa de aceleração da Casa do Impacto da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa, tem três finalistas: Ambigular, Matter e The Equal Food Co. passaram à terceira e última etapa do programa. No final da etapa os três finalistas vão ser sujeitos a uma sessão de pitch para disputar um prémio total de 5 mil euros.

Este é o segundo ano que a Casa do Impacto desenvolve o RISE for Impact, um programa de aceleração que visa criar um ecossistema de impacto em Portugal para startups que promovam soluções ligadas aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da Agenda 2030 da Organização das Nações Unidas.

“O propósito do RISE for Impact é criar cada vez mais pipeline e dar vida a projetos com grande qualidade e potencial de impacto social ou ambiental, com fim à sustentabilidade. Nesta edição ficou muito claro que estamos a alcançar o objetivo não só pela quantidade de empreendedores de impacto que vieram ter connosco, mas também pela qualidade dos projetos e áreas de atuação, que se têm vindo a diversificar cada vez mais, especialmente nas áreas ligadas à saúde, economia circular, e ambiente.” diz Inês Sequeira, diretora da Casa do Impacto.

As finalistas foram escolhidas entre dez startups que integraram o programa de aceleração. As três vencedoras da fase de aceleração vão integrar a incubadora de empresas da Casa do Impacto com acesso a mentoria e uma bolsa financeira com a duração de seis meses. Além disso, uma delas será escolhida para receber o grande prémio, no valor de 5 mil euros, sessão de pitch final.

A Ambigular desenvolve Oficinas de Storytelling com comunidades marginalizadas, que resultam em eventos públicos, revistas e livros impressos e digitais, vídeos e exposições. Nessas oficinas, os participantes treinam e desenvolvem competências úteis, como a comunicação, falar em público, confiança e habilidades criativas. Já a Matter é uma CleanTech que oferece soluções premium e de valor acrescentado, de design e arquitetura, através da utilização de subprodutos e resíduos orgânicos, numa lógica de economia circular. Por fim, a The Equal Food Co. está focada na otimização da cadeia alimentar e na erradicação do desperdício alimentar. Identifica as áreas com excedente (por questões estéticas, de falta de procura ou grau de maturação) e cria novos mercados para esses produtos.

Ao RISE for Impact candidataram-se 103 projetos de impacto, tendo sido selecionados para a primeira etapa do bootcamp – 30 projetos que depois de um fim-de-semana intensivo de trabalho passaram a 10 projetos, que seguiram para a aceleração, e que terminou agora com uma sessão de pitch pública, em livestreaming no Facebook da Casa do Impacto que distinguiu os três finalistas.

A Casa do Impacto é um hub dinamizado pela Santa Casa da Misericórdia de Lisboa que tem como missão impulsionar uma nova geração de empreendedores que estão a desenvolver modelos de negócio com impacto socioambiental positivo, alinhados com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da Organização das Nações Unidas. O espaço integra escritórios, cowork, atividades de formação e experimentação, e programas de investimento.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor coloque o seu nome aqui

16 − 8 =