André Jordão vence prémio Empreendedor do Ano 2020

André Jordão com as luvas de boxe, símbolo do prémio
Foto de Miguel Ribeiro Fernandes / Startup Lisboa

André Jordão, fundador e CEO da Barkyn, é o vencedor da segunda edição do Prémio João Vasconcelos – Empreendedor do Ano 2020. O prémio de 10 mil euros foi entregue numa cerimónia que decorreu nesta sexta-feira, em Lisboa.

André Jordão é o fundador e CEO da Barkyn, um serviço de subscrição para animais de estimação que inclui alimentação personalizada e veterinário à distância que é já um case study em e-commerce. Recentemente, André já tinha sido reconhecido pelos “Global CEO Excellence Awards” como o CEO mais inovador do mercado Pet Care.

O vendedor do Prémio João Vasconcelos – Empreendedor do Ano 2020 foi escolhido entre mais de 50 candidatos, 10 dos quais apresentaram o seu pitch frente ao júri. André Jordão destacou-se pela sua capacidade de liderança na construção de uma equipa diversa, com mais de oito nacionalidades no escritório do Porto e pelas competências de gestão de uma empresa que, no último ano, a Barkyn quadruplicou as suas receitas mensais.  

“É com muito orgulho que entregamos, este ano, o prémio a André Jordão, que deu provas de capacidade liderança e resiliência, ao longo do seu percurso” disse Miguel Fontes, diretor executivo da Startup Lisboa. “Queremos dar palco às empreendedoras e empreendedores que estão a criar negócios inovadores, ao mesmo tempo que contribuem para um ecossistema cada vez mais maduro. O André é um bom exemplo disso mesmo”, sublinhou Miguel Fontes.  

Foto de Miguel Ribeiro Fernandes / Startup Lisboa

Esta é a segunda edição do prémio que tem como objetivo homenagear o legado de João Vasconcelos, primeiro diretor executivo da Startup Lisboa. Pretende-se apoiar empreendedores que se tenham destacado pelo seu desempenho na fase de criação ou de expansão dos seus negócios. Este ano, o prémio teve uma abrangência nacional, podendo a ele concorrer empreendedores nacionais ou estrangeiros com negócios em Portugal.

Os dez finalistas do concurso apresentaram o seu projeto num pitch final, com base em cinco critérios de avaliação: visão e estratégia, resiliência, contributo para o ecossistema empreendedor nacional, liderança e gestão de equipa, crescimento e penetração internacional.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor coloque o seu nome aqui

1 + 4 =