Cibersegurança: Inteligência Artificial na Linha de Frente da Segurança Informática

Bright Pixel investe em cibersegurança
Imagem de Pete Linforth por Pixabay

O desenvolvimento de novas tecnologias, a implementação de Inteligência Artificial (IA), os conflitos geopolíticos e a sofisticação das técnicas de ataque serão os principais desafios enfrentados pela segurança informática em 2024. A evolução dos ataques informáticos será acompanhada pelo desenvolvimento de soluções de segurança mais eficazes e escaláveis para as empresas, baseadas na aplicação de segurança em cloud para prevenir a presença de ataques.

Neste artigo, a S21sec, líder europeia em serviços de cibersegurança, aponta as principais tendências que vão moldar o cenário de segurança informática em 2024. O surgimento de novos agentes sequestradores de informação e a sofisticação das técnicas de ataque destacam-se como desafios cruciais. Espera-se um aumento do investimento por parte das empresas em ferramentas dedicadas à automação e à resposta a ataques informáticos, focados principalmente em IA e em IA generativa.

A tecnologia quântica na cibersegurança e no empreendedorismo (foto de Freepik)

5 Tendências que Marcam o Cenário da Segurança Informática

Se a integração crescente das tecnologias de Inteligência Artificial, nos sistemas de informação, amplia a superfície de exposição a ameaças, promovendo uma sofisticação dos vetores de ataque, a tecnologia também impulsionará métodos mais refinados de phishing, aumentando a personalização das mensagens e a eficácia dos ataques. Conheça as cinco tendências identificadas pela S21sec na segurança informática em 2024:

1 | Impacto dos Riscos Geopolíticos

Conflitos geopolíticos continuarão a influenciar o cenário cibernético. Prevê-se um aumento de ataques distribuídos, destacando-se ataques de negação de serviço e exfiltração de informações sensíveis.

2 | Técnicas Sofisticadas e Ransomware em Ascensão

Os ciber-criminosos adotam táticas mais avançadas, utilizando bibliotecas de ligação dinâmica (DLL) para operações ofensivas de longo prazo. O ransomware, com destaque para o modelo Ransomware-as-a-Service, emerge como uma ameaça de crescimento exponencial em 2024, operando de forma anónima na dark web.

Deteção de ameaças quânticas nas empresas (foto de DCStudio em Freepik)

3 | Ascensão dos Infostealers

Os infostealers, variantes de malware, visam extrair dados confidenciais de sistemas para fins maliciosos. Anteriormente centrados no ecossistema Microsoft, esses atacantes agora concentram-se em dispositivos Linux e MacOS, ampliando a sua abrangência e representando uma tendência ascendente.

4 | Automação na Defesa Informática

Frente à evolução das ameaças, a automação e orquestração de técnicas de defesa informática, especialmente baseadas em IA e IA generativa, tornam-se imperativas. A Gartner prevê uma redução significativa das falhas de segurança informática para organizações proativas nesse sentido até 2026.

5 | Desenvolvimento de Novas Alavancas de Proteção

A evolução dos ataques impulsiona o desenvolvimento de soluções eficazes e escaláveis, destacando-se as tecnologias Security Service Edge (SSE) e Secure Access Service Edge (SASE). Essas camadas de segurança marcarão uma mudança significativa na deteção e resposta a ameaças.

Enfrentar o desafio de aumentar a visibilidade e controlar eficazmente as áreas expostas a ameaças será crucial. As soluções de deteção e resposta de redes tornar-se-ão essenciais nas estratégias de segurança, antecipando um cenário de riscos cada vez mais sofisticados.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor coloque o seu nome aqui

1 × 3 =